Destaques Esporte

Sem sinal de melhora, empresário continua na UTI da Santa Casa

5 de Maio de 2020

PASSOS – O quadro clínico do empresário, professor de educação física e instrutor de futebol Luciano Lino dos Santos, de 41 anos, ainda inspira cuidados médicos por parte de profissionais da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) adulta da Santa Casa de Misericórdia de Passos (SCMP). O paciente está hospitalizado desde o dia 17 de abril quando sofreu um acidente doméstico ao cair de uma altura aproximada de três mês quando realizava limpeza na calha do telhado da lanchonete de sua empresa, a Escola Arena Futebol Clube, localizada na rua Dr. Carvalho, esquina com a travessa Belo Horizonte, bairro Belo Horizonte, região central de Passos.

O boletim médico divulgado na tarde de ontem através da Assessoria de Comunicação da SCMP revelou que Luciano completou 17 dias na UTI. ‘Encontra-se estável, sem sedação, mas ainda não recobrou naturalmente os sentidos (acordou). Permanece entubado através de ventilação mecânica com proposta de realizar traqueostomia nesta data (ontem). Não há previsão de alta da UTI e ainda é muito precoce para prever sobre possíveis sequelas’. Ele sofreu graves ferimentos na cabeça em razão do acidente, sagrou por um dos ouvidos e por isso teve que passar por intervenção cirúrgica na tarde do dia 17 do mês passado.

Luciano é filho de José Lino dos Santos, de 67 anos, o Mosquito, ex-jogador de futebol amador em Passos. Tem com irmãos, Ricardinho, ex-volante do Cruzeiro EC de Belo Horizonte (MG), onde reside, e Kátia, que mora em Jundiaí (SP). A mãe Rosa falecera em setembro do ano passado.