Destaques Esporte

Sávio é diagnosticado com covid-19 e desfalca o Atlético Mineiro

16 de novembro de 2020

Foto: Divulgação

BELO HORIZONTE – A seleção brasileira sub-17 encerrou o período de treinos em Itu com a participação de quatro jogadores da base do Atlético-MG. O principal deles é o meia-atacante Sávio, integrante do time profissional do Galo. O jogador, entretanto, será desfalque do clube mineiro, após testar positivo para a covid-19. Outros cinco atletas também foram diagnosticados com o coronavírus em testes da CBF, entre eles o zagueiro atleticano Rômulo.
Sávio participou normalmente do jogo-treino com o sub-20 do Guarani na última quarta-feira, sendo destaque da atividade ao lado do zagueiro Rômulo (ambos marcaram gols).

A seleção juvenil iria fazer mais uma atividade na sexta, 13, contra o sub-20 do XV de Piracicaba, mas por conta do número de infectados, a partida foi cancelada. Sávio e Rômulo já estão a caminho de Belo Horizonte, após a semana em Itu, e retornam de carro com logística de saúde sanitária preparada pela CBF. Em BH, iniciarão o isolamento. Para os jogos contra Corinthians e Athletico-PR, Savinho se junta aos três jogadores selecionáveis – Alonso, Franco e Savarino – e aos lesionados (Jair, Tardelli e Mariano) na lista de desfalques de Sampaoli.

Savinho chegou a ser titular de Sampaoli na partida contra Goiás e Fluminense, e depois virou opção do banco de reservas. Rômulo ainda não participou da equipe principal. Outros dois jogadores do Atlético cedidos para a seleção sub-17 são: Caio Ribas e Vitinho, que testaram negativo. O casos de Savinho e Rômulo são, respectivamente, o terceiro e o quarto de jogadores do Atlético-MG. O meia-atacante Cazares foi o primeiro – ele já deixou o clube para assinar no Corinthians. Recentemente, o volante do time de transição, Rubens Dias, também contraiu a Covid-19 e iniciou a quarentena.