Destaques Esporte

Sampaoli recebe proposta para substituir André Villas-Boas em clube europeu

5 de fevereiro de 2021

Clube francês mira comandante do Galo, que tem contrato até dezembro de 2021. / Foto: Divulgação

Belo Horizonte – Jorge Sampaoli tende a terminar o Campeonato Brasileiro 2020 pelo Atlético-MG. A próxima temporada já é planejada pelo clube com a presença do técnico, peça-chave do projeto desenvolvido pelo chamado “colegiado”. Por outro lado, há um novo fator. O Olympique de Marseille fez contato com o treinador argentino, e ele se tornou um dos nomes para substituir André Villas-Boas.

Na imprensa internacional, o jornal AS indicou um “princípio de acordo” entre Sampaoli e o OM. O ge apurou que o Galo conta com o técnico para 2021 e ainda deseja ampliar o vínculo por mais 12 meses. Por outro lado, nos bastidores do clube mineiro, a aceitação de Sampaoli ao convite do futebol francês é visto como “uma boa possibilidade”.

Sampaoli e Atlético têm contrato de trabalho firmado até dezembro de 2021. Qualquer parte que opte pela rescisão do vínculo, precisa ressarcir a outra na multa contratual. Até dezembro do ano passado, o valor girava perto dos 3 milhões de euros. No último mês de 2020, porém, a multa sofreu queda considerável.

Até um desfecho final dessa investida do Olympique, Sampaoli foca nos quatro jogos restantes do Galo no Brasileirão, com pouquíssimas chances de título (está na casa dos 2,6%, de acordo com a UFMG), mas com vaga na Libertadores praticamente assegurada.

Os trunfos que a diretoria do Atlético conta para manter o treinador são o aporte financeiro dos “mecenas”, responsáveis por fazer empréstimos milionários para os cofres alvinegros suportarem contratações. A última delas, Hulk, desembarcou recentemente em BH para assinar por dois anos.

A própria participação na Libertadores é um atrativo na continuidade de Sampaoli. Por fim, há o desejo do Galo em tê-lo à frente da equipe quando o estádio próprio (Arena MRV) for inaugurado no segundo semestre de 2022.