Destaques Dia a Dia

Provérbio francês

POR LUIZ GUILHERME WINTHER DE CASTRO

7 de dezembro de 2020

“Não se faz omelete sem quebrar ovos.” – O provérbio é francês, mas, todas as culturas têm expressão parecida. É citado em várias circunstâncias, diz Frei Clarêncio Neotti, OFM. Vejamos quais.

“Quando se precisa sacrificar algum bem, para se conseguir um bem maior.” – Quantas vezes nos encontramos em situações em que devemos abrir mão de algo ou mesmo precisamos de uma mudança na nossa vida. É preciso dar oportunidade a interesses maiores. Temos de pensar, ponderar e agir, mas, calculando riscos. Arriscar muito é perigoso, arriscar o mínimo é o ponderável.

“Quando se precisa de um esforço especial para alcançar um resultado.” – Estamos sempre em busca de resultados cada vez melhores em nossa vida. Nada cai do alto e nada se consegue sem algum esforço. Tanto maior será o esforço físico ou mental, quanto maior for a nossa ambição. Mas, que seja ambição sincera, honesta, sem que haja prejuízo para outros. Todos podemos sonhar, ter ambições, projetos, desejos e seguindo sempre no caminho do bem.

“Quando alguém quer alcançar alguma coisa sem esforço nenhum.” – Nesta circunstância, é preciso que a pessoa saiba que conquistas são obtidas com esforço, com trabalho, com inteligência, perseverança, honestidade, sinceridade, enfim, com todas as boas qualidades que o ser humano precisa ter. Sonhar deitado em uma rede de balanço, esperando que tudo aconteça como deseja, é pura utopia. Nada acontece assim. A lâmpada da qual surge um gênio que fará todas as vontades de seu amo, é bonita, mas, pura fantasia.

“Quando alguém reclama de transtornos na reforma da casa.” – É mesmo um transtorno, às vezes, uma tortura, dependendo do tamanho e tipo da reforma. Mas, se a casa precisa de reformas e muitas vezes, urgentes, existe outro caminho? Se a pessoa e sua família têm para onde mudar, quando da reforma, ótimo! Mas, se elas não têm, o jeito é suportar, se acomodar, no bom sentido, pois é a única alternativa. Ficar reclamando, só criará problemas!

“Afinal, todo avanço implica alguma perda.” – Qualquer mudança que queiramos fazer em nossa vida, deverá ser para melhor, mas, poderá resultar em algumas perdas. Sempre pensamos em melhorar, é claro! Às vezes, temos de abrir mão de algo que gostamos, uma situação que tínhamos e perderemos um pouco. Nada é perfeito, tudo tem os dois lados, um bom, outro, não tanto.

“Você quer passar no vestibular, precisa gastar tempo em estudar.” – Passar em vestibular, dependendo da universidade ou faculdade escolhida e do curso desejado, vai precisar de muito preparo mesmo. O candidato terá de estudar bastante para prestar o vestibular, o pesadelo de muitos estudantes. Mas, levando a sério o estudo, o sucesso virá, sem dúvida alguma. Já vi estudante tentar mais de uma, duas vezes e até mais e conseguir fazer o que queria.

“Você quer casar, precisa deixar a boa vida de solteiro e suas liberdades.” – Quantos casamentos fracassados em poucos anos exatamente por conta do apego à vida de solteiro e não entender que ela mudou, as responsabilidades, os compromissos são outros, muito mais sérios. Acontece mais com homens, acredito eu. Mas, deve haver casos com mulheres também, que não se dão conta das mudanças, tanto quanto os homens. O certo será sempre o equilíbrio entre os casais, o entendimento para uma vida em comum. O principal mesmo, é o respeito e o amor. Independência financeira também pesa na hora de tomar atitudes de separação.

“Você quer um filho, precisa arcar com o choro e o barulho da criança em casa.” – Existem casos de pais que desejam um filho para alegrar a casa. Depois, descobrem que uma criança é uma alegria em casa, mas, também chora, acorda de noite, resmunga, ri, fica zangada, teima, faz pirraça, enfim, tudo que já sabemos. Portanto, é preciso paciência e saber educar. A criança também adoece, precisa de cuidados e, principalmente, muito amor.

“Feliz de quem pode transformar a necessidade em vantagem.” – Se alguém deseja e consegue mudar sempre, transformando necessidades em vantagens para sua vida e de sua família, poderá se sentir uma pessoa feliz.
Enfim, ninguém conseguirá fazer omelete, sem quebrar os ovos. É preciso também saber quebrá-los, não basta força, é preciso jeito.

LUIZ GUILHERME WINTHER DE CASTRO, professor de oratória e de técnica vocal para fala e canto em Carmo do Rio Claro/MG. Ex-professor do ensino técnico comercial, formado no Curso Normal Superior pela Unipac.