Destaques Geral Política

Projeto de lei prevê aumento de multa para embarcações em Capitólio

23 de junho de 2021

Foto: Divulgação

A Prefeitura Municipal de Capitólio, em parceria com a Marinha do Brasil, enviaram à Câmara dos Vereadores do município, um Projeto de Lei (PL) que prevê o aumento do valor das multas aplicadas aos responsáveis que descumprirem as normas do decreto vigente. A mudança, de R$10 mil para R$50 mil, visa intensificar as ações para evitar aglomerações em imóveis, barcos e lanchas no Lago de Furnas, com o objetivo de conter o avanço do covid-19 na região.

De acordo com o prefeito da cidade Cristiano Silva, um dos focos da fiscalização e mudança do valor da multa é a diminuição da quantidade de pessoas que frequentam os bares flutuantes do lago. O não cumprimento dessas exigências acarretará em multa e um possível fechamento desses locais”, declarou.

Outro problema enfrentado no combate ao vírus é evitar as aglomerações que ocorrem em barcos e lanchas. Segundo o prefeito, foram realizadas várias ações junto com empresários, marinheiros e turistas para não permitir que embarcações entrem nos cânions sem máscaras. O PL ainda precisa ser votado pelos parlamentares municipais, sem data ainda definida.