Cidadania Destaques

Programa de coleta seletiva atinge 12 toneladas por mês em Piumhi

Por Felipe Misuraca / Especial

21 de julho de 2021

A coleta seletiva residencial acontece duas vezes por semana, na segunda e quinta-feira. / Foto: Divulgação

Piumhi – A Associação ViraSer de Piumhi (Avipi) e a prefeitura do município coletam cerca de 12 toneladas de lixo por mês destinado à reciclagem. A coleta seletiva acontece, nas segundas e quintas-feiras, nos bairros, Alvorada, Bela Vista, Capoeiras, Jardim Betel, Nova Piumhi, Novo Tempo, Pérola Negra e São Francisco, o que representa cerca de 30% da cidade. Além da coleta em residências, a operação também é realizada no comércio, grandes geradores e nos Pontos de Entregas Voluntários (PEV) instalados no município.

Os benefícios são muitos, mas destaca-se a geração de emprego e renda com a recuperação de materiais que seriam descartados como lixo”, afirma Leandro Figueiredo, engenheiro de produção que presta consultoria para a associação. Segundo ele, a gestão de resíduos recicláveis também melhora os indicadores ambientais e de sustentabilidade do município, o que possibilita mais investimentos na cidade.

Ao descartar corretamente o resíduo para a reciclagem, sua retomada à cadeia produtiva é garantida, evitando que o ser humano precise buscar aquele recurso na natureza”, disse

A central de triagem tem expectativa de gerar mais seis vagas diretas de emprego ainda neste ano. Nós oferecemos acompanhamento técnico e consultoria em diversas áreas, mas as decisões principais são pautadas pela ética e transparência”, disse o engenheiro.

Segundo ele, a associação possui também tem intenção de atuar em projetos sociais.

Como a associação ainda é nova, ainda não executamos nenhum projeto social, mas temos a intenção de realizar projetos de educação ambiental com crianças e com organizações da sociedade civil de Piumhi. Queremos também buscar projetos de empoderamento e capacitação pessoal e profissional para os associados e também para as pessoas que desejarem entrar na associação”, afirma Figueiredo.

Acreditamos que, com muito trabalho, temos todas as condições de poder dizer que, futuramente, Piumhi deve possuir um serviço de coleta seletiva que atenda a 100% das residências e que a Avipi irá, rapidamente, se consolidar como um modelo de gestão eficiente e profissional no tratamento e recuperação de resíduos recicláveis”, disse.

A coleta seletiva em Piumhi é realizada por meio de parceria entre a prefeitura, o Programa ViraSer de Logística Reversa de Embalagens pós consumo e com investimentos da JDE, multinacional do setor de café que possui uma unidade no município.