Destaques Geral

Prefeitura libera atividades religiosas até dia 14

6 de junho de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – A Prefeitura de Passos liberou nesta sexta-feira, 5, a partir do decreto N º 1.657, as atividades religiosas, celebrações, missas ou cultos e reuniões em geral, inclusive grupos de oração e de estudos, no período de 7 de junho de 2020 a 14 de junho de 2020. No documento, a administração municipal impõe algumas restrições e medidas sanitárias, que devem ser cumpridas pelas entidades religiosas e fiéis.

Dentre as exigências, os cuidados básicos como o uso de máscaras e álcool gel 70%, devem ser seguidos por todos. Sendo assim, é de responsabilidade das entidades higienizar o ambiente entre as celebrações, e disponibilizar aos fiéis na entrada do local, um recipiente de álcool gel 70%,não sendo permitida a utilização de álcool líquido.

Para a realização das atividades religiosas, que devem ocorrer até as 20 horas, em apenas dois horários diários com intervalo mínimo de três horas, serão permitidos no máximo trinta fiéis e até cinco integrantes do cerimonial, que não pertençam ao grupo de risco, composto por pessoas com idade igual ou superior a 60 anos, e portadores de doenças crônicas.

O distanciamento interpessoal de dois metros entre os presentes deve conter assentos destinados aos participantes com a referida distância previamente estabelecida. Já o afastamento do responsável pela pregação, deve ser de no mínimo cinco metros do público presente.

Ainda durante a celebração, a utilização de músicas de louvor, deve ocorrer preferencialmente, com sonorização mecânica, ou com a presença de apenas um músico, que deverá compor o quantitativo da equipe do cerimonial. A realização de ceia eucarística, santa ceia, ou equivalente deverá suceder de forma individual.

A prefeitura ressalta que, durante o período estabelecido a secretaria de saúde realizará constante monitoramento epidemiológico.

A administração municipal ainda anunciou o decreto N º 1.658, de 05 de junho, que prorroga até 22 de junho, o decreto N º 1.601, de 24 abril de 2020, que libera o funcionamento de bares, lanchonetes, restaurantes e academias.