Destaques Geral

Prefeitura e Bombeiros fazem operação contra incêndios

3 de março de 2021

Em Paraíso foi criado um plano de ação priorizando, primeiramente, vistorias em perímetro urbano nos locais com grandes reincidências de incêndios. / Foto: Divulgação

S. S. PARAÍSO – A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso, por meio da Vigilância em Saúde, iniciou uma operação em conjunto com o Corpo de Bombeiros para intensificar a fiscalização de terrenos e diminuir os riscos de incêndio no município. As vistorias, que serão realizadas pelo CB, começaram nesta semana e se estenderão ao longo de todo o mês de março e, se for o caso, os proprietários serão notificados pela Secretaria responsável para fazerem as manutenções nos terrenos.

Foto: Divulgação

Em Paraíso foi criado um plano de ação priorizando, primeiramente, vistorias em perímetro urbano nos locais com grandes reincidências de incêndios, devido diversos fatores como vegetação alta, presença de entulho, lixo, sucatas, madeiras e pneus que propiciam potenciais riscos de incêndios e propagações em continuidade para reservas permanentes e matas nativas.

De acordo com o 2º Pelotão do Corpo de Bombeiros Militares, nos últimos anos houve uma crescente demanda de incêndios ocorridos no período de estiagem, principalmente entre os meses de março a outubro, onde a baixa umidade do ar é de maior relevância, causando grandes prejuízos à saúde, fauna, flora e ao patrimônio público ou privado. Nos últimos dois anos foram mais de 700 ocorrências de incêndios em geral atendidas pelos Bombeiros em sua área de abrangência, compreendendo São Sebastião do Paraíso e cidades circunvizinhas.

Foto: Divulgação

Em todo o Estado de Minas Gerais, nas Unidades Operacionais do Corpo de Bombeiros Militar, foram criadas forças-tarefa de Prevenção e Vistorias em lotes vagos com o objetivo de conscientizar a população pelos cuidados ao meio ambiente e pela redução da quantidade de ocorrências de incêndios em vegetação, cujo período crítico se aproxima.

O 2º Pelotão BM ressalta a importância da conscientização da população em relação às queimadas que acarretam graves prejuízos ao meio ambiente e à saúde das pessoas e orienta os proprietários e responsáveis a manterem os lotes vagos limpos e carpidos, sem a presença de lixo, entulho, móveis usados ou pneus velhos, ajudando assim, também ao combate de doenças como a dengue e proliferação de animais peçonhentos como cobras e insetos.