Destaques Geral

Prefeitura discute plano de carreira com educadores

3 de agosto de 2020

Prefeitura de Passos apresenta plano de efetivação dos educadores municipais. / Foto: Divulgação

PASSOS – A Prefeitura de Passos, por meio da Secretaria de Educação, realizou na semana passada uma reunião com educadores municipais para discutir a efetivação dos trabalhadores da pasta. A discussão ocorreu pouco mais de dois meses após o prefeito Carlos Renato Lima Reis, o Renatinho Ourives, sancionar a lei do plano de carreira do magistério.

Depois que a secretaria detectou uma diferença no quantitativo de vagas oriundas do anexo III do plano de carreira do magistério, o chefe do Executivo pontuou aos presentes, ao lado da secretária de Educação, Zinetti Guimarães Rattis, e da diretora do Departamento de Educação, Eva Aparecida Pereira Alves, o desejo da administração de garantir a efetivação dos professores até o final deste ano.

Estamos trabalhando para ofertar a efetivação desses profissionais, que diariamente dedicam-se aos cuidados e ensinamentos de nossas crianças’’, enfatizou Renatinho.

Questionada sobre os benefícios adquiridos após a efetivação dos professores, Zinetti esclareceu a diferença de um profissional contratado para um profissional efetivado no âmbito educacional.

Quando o educador é contratado, ao final do ano, o vínculo com a instituição é encerrado. Já o efetivo, tem a estabilidade na profissão e, consequentemente pode realizar carreira, conseguindo melhorias salariais’’, afirmou a secretária.

Entrega de apostilas

Dando sequência a possibilidade de acompanhamento completo das disciplinas escolares fundamentais neste período de pandemia, a Secretaria de Educação iniciou na sexta-feira, 31, a distribuição de mais de 3 mil apostilas aos estudantes do pré-4, pré- 5 e do 1 º ano do ensino fundamental.

Assim como de costume, os respectivos materiais educativos foram elaborados pelos pedagogos do segmento e devidamente revisados de acordo com a nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC), do Ministério da Educação.

Como garantiu a Secretaria de Educação, os materiais referentes às disciplinas de Língua Portuguesa e Matemática serão distribuídos aos estudantes seguindo os cuidados estabelecidos pela Organização Mundial de Saúde (OMS).

Os pais podem ficar tranquilos, pois cada instituição entrará em contato com os responsáveis para realizar a retirada dos materiais nas escolas, com toda segurança possível’’, disse Zinetti. Segundo ela, de acordo com o estabelecido desde o início das aulas on-line, a secretaria entregará as apostilas aos alunos que não conseguirem retirar o material.