Coluna MG Destaques Migração

Preço do gás traz preocupação

8 de dezembro de 2020

Entrou em vigor, na semana passada, o aumento de 5% no preço médio do gás de cozinha. Segundo a Petrobras, de janeiro até o início deste mês, o aumento acumulado chegou a 21,9%, o que equivale a R$ 6,08 por botijão. Revendedores de gás e consumidores de Governador Valadares estão preocupados com os constantes aumentos. Em uma pesquisa realizada nesta quinta-feira, em quatro revendedoras de gás na cidade, o preço para entrega na casa do cliente variou entre R$ 80 e R$ 87 a botijão de 13 kg. (Diário do Rio Doce – Governador Valadares)


O que você também vai ler neste artigo:

  • Vereador pode perder cargo
  • FestNatal Araxá será online
  • Revitalização do Rio Doce avança
  • São Lourenço na longevidade
  • Sem crimes violentos
  • Vale é autorizada a manutenção

Vereador pode perder cargo

A Corregedoria da Câmara de Poços de Caldas concluiu o parecer a respeito da representação, encaminhada pela Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, envolvendo o vereador Pedro Magalhães sobre suposta violência praticada contra sua esposa. O documento pede a cassação do mandato do vereador. (Jornal Cidade – Poços de Caldas)

FestNatal Araxá será online

O FestNatal Araxá vai manter a tradição de levar arte e uma mensagem de alegria e paz no período mais mágico do ano. A confirmação foi dada pela presidente da Fundação Cultural Acia, Elisa Borges Viana da Costa Baião Macedo. O evento para convidados seguiu as regras impostas pelo Comitê de Enfrentamento à Covid-19 em Araxá e tornou públicas as atrações e adaptações realizadas para a edição de 2020, em função da pandemia. A programação conta com dez lives, entre os dias 12 e 21 de dezembro. (Correio da Araxá)

Revitalização do Rio Doce avança

A recuperação do rio Doce avança com o repasse de cerca de R$ 17 milhões realizados até o mês de novembro para esgotamento sanitário e destinação de resíduos sólidos em 18 localidades de Minas Gerais e do Espírito Santo. A ação faz parte de uma das principais frentes compensatórias da Fundação Renova, viabilizada por meio do Programa de Coleta e Tratamento de Esgoto e Destinação de Resíduos Sólidos e que vai destinar recursos para as prefeituras dos 39 municípios atingidos pelo rompimento da barragem de Fundão, em Mariana (MG). (Diário do Rio Doce- Governador Valadares)

São Lourenço na longevidade

A cidade de São Lourenço apresenta preparo satisfatório para a longevidade da população. É o que aponta um estudo feito pelo Instituto de Longevidade Mongeral Aegon, que lançou a segunda edição do Índice de Desenvolvimento Urbano para a Longevidade (IDL), que tem como objetivo avaliar o preparo de 876 municípios brasileiros para a longevidade da população. Presente no estudo, São Lourenço está em 13° lugar no ranking de cidades pequenas, que é composto por municípios até 104 mil habitantes, aproximadamente. (O Popular Net- São Lourenço)

Sem crimes violentos

Ao final do mês de novembro, a 2ª Companhia Independente da Polícia Militar, que comanda o policiamento na microrregião Alto Rio Pardo, composta por 16 municípios, apresentou números surpreendentes sobre a redução de crimes violentos na região. A redução de crimes violentos é superior a 70% em comparação ao mesmo período de 2019. Em Taiobeiras, por exemplo, a sensação de segurança foi transformada. A cidade saiu do caos em segurança pública e voltou a ser considerada pacata novamente. (Folha Regional- Taiobeiras)

Vale é autorizada a manutenção

O juiz, em cooperação, da 1ª Vara da Fazenda Pública e Autarquias do Estado, Elton Pupo Nogueira, autorizou que a mineradora Vale S.A. realize, imediatamente, planos de manutenção, inspeção e monitoramento das barragens Forquilhas I, II e IV do Complexo Mina da Fábrica, em Ouro Preto, na região central de Minas. A empresa fez o pedido judicial argumentando que a situação pode ficar crítica, com risco de efetivo rompimento, diante da proximidade do período chuvoso. (Jornal O Liberal- Itabirito)

Rede de Notícias do Sindijori MG