Destaques Geral

Piumhi realiza Conferência Municipal de Cultura

26 de junho de 2021

A CONFERÊNCIA reuniu pessoas da sociedade civil de diversos segmentos, que estiveram presentes para apreciação do regimento:/ Divulgação

PIUMHI – Na última quarta-feira, 23, foi realizada em Piumhi a primeira Conferência Municipal de Cultura, na qual foi apresentado o Regimento Interno adequado ao sistema cultural para os próximos dez anos na cidade, eleição dos delegados, além da elaboração e aprovação do o Plano Municipal de Cultura entre os anos de 2021 a 2031. O evento reuniu pessoas da sociedade civil de diversos segmentos, que estiveram presentes para apreciação do regimento.

O diretor do Departamento Municipal de Cultura e presidente da Comissão Organizadora Municipal, Thiago Santos, deu início à reunião apresentando o Regimento Interno, elucidando cada tópico, sendo alguns deles: a universalização do acesso aos bens e serviços culturais; promoção da cidadania e direitos culturais; valorização do patrimônio cultural do município, produções simbólicas, diversidade cultural e valorização dos profissionais e segmentos culturais existentes no município e da economia da cultura.

Santos explicou que dentro desse novo plano serão prioridades: implantar e manter um modelo de gestão compartilhada; consolidar o Sistema Municipal de Cultura; ampliar os recursos financeiros disponíveis no setor cultural; promover a criação, produção, preservação, intercâmbio e circulação de bens artísticos e culturais; promover Economia Criativa como uma estratégia de desenvolvimento sustentável; fomentar a criação, produção, difusão, distribuição, comercialização e consumo, fruição de bens e serviços criativos, tendo com base as Dimensões (Econômicas, Social, Ambiental e Cultural) da Sustentabilidade; entre outros que foram votados por unanimidade.

Em seguida, aconteceu a eleição de delegados para representarem a sociedade. Os delegados eleitos do Poder Público foram: Fernanda de Oliveira Silva (titular) e Carlos Leonel de Oliveira (suplente). Já os delegados da sociedade civil foram: Lorena Marta Melo e João Victor Goulart como titulares; Gabby Batista de Almeida e Nadir Goulart Rodrigues como suplentes. O diretor Thiago Santos foi eleito delegado representante do departamento de Cultura. Ao final, foi elaborado e apreciado o Plano de Cultura do município com vigência nos próximos dez anos.

Na oportunidade, o diretor do departamento explanou o site do Sistema Nacional de Cultura do Governo Federal, que mostra as informações do município cadastradas no sistema.

Para Santos, a conferência superou as expectativas da equipe do departamento de Cultura e mostrou a grandeza do município nessa área, onde todos os membros do Poder Público, Legislativo, das entidades e da sociedade civil construíram juntos e de forma democrática, o primeiro Plano Municipal de Cultura para os dez anos seguintes, que começa a ser iniciado através das metas que foram traçadas.