Destaques Esporte

PC apura tentativa de golpe após denúncia de clubes

30 de novembro de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

Varginha – A Segunda Divisão do Campeonato Mineiro começou no último fim de semana, mas os clubes participantes têm enfrentado problemas fora das quatro linhas. Ao menos cinco equipes denunciaram tentativas de golpe com jogadores pela internet. Até o momento, Aymorés, Contagem, Uberaba, Santarritense, Atlético de Três Corações e Poços de Caldas detectaram o crime associado aos respectivos nomes. A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) investiga o caso.

Em nota, a PCMG afirmou que instaurou um inquérito para apurar as circunstâncias e autoria dos crimes. Os fatos foram registrados nas cidades de Ubá, no dia 11 de novembro, em Uberaba, nessa última quinta-feira, e em Poços de Caldas, nesta sexta, 27. “As investigações seguem em andamento nas respectivas delegacias das comarcas citadas. Todas as medidas cabíveis estão sendo adotadas para a elucidação dos delitos”, disse a PCMG em nota.

O golpe se daria da seguinte forma: o suspeito entra em contato com atletas ou pais de atletas por aplicativos de mensagens ou redes sociais se passando por um representante do time. No contato, ele ofereceria vaga na equipe, com hospedagem e alimentação pagos. Em contrapartida, exige que seja feito o pagamento de uma “taxa de transferência”, a ser depositada em uma conta bancária fornecida.

Nas últimas semanas, clubes como Aymorés e Uberaba usaram as redes sociais para denunciar o golpe e esclarecer que não entram em contato com jogadores por esses canais, bem como não cobram qualquer tipo de pagamento para firmar contratos profissionais. As equipes registraram boletim de ocorrência e acionaram os respectivos departamentos jurídicos. Presidente do Aymorés de Ubá, Queiroz Júnior, contou que o clube procurou a polícia imediatamente e se solidarizou com o coordenador de desempenho do clube, Fabrício Muniz, por quem o suspeito se passou no contato com jogadores.

Aqui em Minas aconteceu com Aymorés, Uberaba, Poços de Caldas, Santarritense, Atlético de Três Corações, no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina aconteceu com um monte de times. O cara liga, se passa pelo gerente de futebol e manda os caras depositarem o dinheiro, fala que o clube não tem dinheiro para pagar a transferência e passa aquela conta, que não é oficial. O pai do menino começa a desconfiar e começa a ligar para o clube, que foi o que aconteceu aqui. Aí vimos que era uma fraude e fui à polícia e soltei esse comunicado para o pessoal ficar atento. Foi a mesma pessoa, o mesmo número. No Sul do Brasil eu vi por matérias na internet, usaram até o nome do Paulo Baier, estão atacando o Brasil inteiro”, relatou o gerente de futebol Alex Joaquim.

A Segunda Divisão do Campeonato Mineiro – que equivale à Série C do do estadual – começou em 21 de novembro. Dez equipes competem em duas chaves. Os três primeiros colocados de cada grupo avançam para o hexagonal final, em turno único, que vale duas vagas no Módulo 2 do ano que vem.