Destaques Política

Passos já tem sete candidatos a prefeito

Por Adriana Dias / Redação

15 de setembro de 2020

Apenas a Justiça Eleitoral pode organizar o transporte de eleitores na zona rural. / Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – O prazo final para a realização das convenções é na próxima quarta-feira, 16, porém, muitos partidos já deliberaram quais serão os candidatos a prefeito e vice, e, a chapa de vereadores. Alguns partidos não devem ter majoritário, mas apoiam alguma legenda. Dos 15 partidos políticos aptos 12 já fizeram suas reuniões, sendo que até o momento foram lançados oficialmente 7 nomes ao Executivo, são eles Alexandre Maia, Rodrigo Moraes Soares Maia, Juarez Moreira, André Patti, Diego Oliveira, Virgínio Leopoldino e Aquiles Grintaci.

Dentre os partidos que já têm candidatos definidos estão: o Democratas, que traz como prefeito Alexandre Maia e vice Gilberto Kirchner Mattar. Com chapa completa de vereadores e com coligação na majoritária com os partidos Progressistas e Partido Liberal o partido realizou nesta segunda-feira, 14 sua convenção conforme o estatuto do partido. O atual presidente da Câmara, Rodrigo Moraes Soares Maia está certo como pré-candidato ao cargo de prefeito. Já o cargo de vice ainda está em análise, que, caso não fosse decidido na convenção do Podemos na noite desta segunda-feira, 14, o presidente Wedson José Nunes informou que ainda tem até o dia 16 para resolver.

Virgínio Leopoldino é presidente do Partido da Mobilização Nacional (PMN) e também candidato a prefeito pela sigla. “Nossa convenção só confirmou o que já decidimos, e foi realizada no dia 8 de setembro tendo meu nome para a cabeça de chapa. Quanto ao vice ainda estamos analisando e até dia 16 divulgamos”, disse. Também ficaram indefinidos os cargos de pré-candidato a prefeito e vice do Movimento Democrático Brasileiro (MDB). De acordo com o vereador e presidente da sigla, Érick Freire Silveira, houve a convenção no dia 10, porém, foi delegado poder à Executiva definir até a data final que é o dia 16. “Nós só vamos nos manifestar amanhã (hoje)”, disse Silveira.

O Partido Social Democrático (PSD) realizou a convenção na manhã do sábado, 12, no Plenário da Câmara Municipal de Passos. A reunião contou com a presença do deputado estadual Cássio, que é o presidente da sigla passense. O partido não terá candidatos a prefeito e nem a vice-prefeito e até a tarde desta segunda-feira, 14, ainda não era sabido se vai apoiar algum candidato ao Executivo. Conforme informou o assessor do PSD, Rodrigo Elias Calixto Freire, a chapa completa de vereadores sai com 17 candidatos, dentre eles dois tentando a reeleição. O presidente do Partido Liberal (PL) empresário Wanilton Chagas Cardoso informou que a convenção será realizada nesta terça-feira, 15, a partir das 18h. “O PL vai homologar o apoio à candidatura de Alexandre Maia, prefeito e Gilberto Kirchner Mattar a vice-prefeito de Passos e sairemos com chapa completa com 17 vereadores”, afirmou Cardoso.

De acordo com o presidente do Partido dos Trabalhadores de Passos, Luiz Carlos de Oliveira, a convenção foi realizada e homologou o nome de Juarez Moreira como candidato a prefeito, a vereadora Aparecida dos Reis Jerônimo, a Dona Cida, ao cargo de vice-prefeita. O Avante também realizou sua convenção no dia 12 e tem como candidato a prefeito o médico Aquiles Grintaci e vice-prefeito o empresário Sérgio Acorinte. A chapa de vereadores tem apenas três candidatos, que, segundo o presidente da sigla, Carlos Henrique Braz, foram escolhidos a dedo.
O presidente do Progressistas, o empresário Ademir José da Silva informou que seu partido também realizou a convenção no dia 13 de setembro e junto aos convencionais homologou a coligação com o Democratas, apoiando Alexandre Maia e Gilberto Kirchner.

O presidente do Partido Social Liberal (PSL) Diego Oliveira realizou a convenção do partido no dia 12 e lançou o seu nome ao cargo de candidato a prefeito e de Arlindo Nascimento, o Capitão Arlindo para vice-prefeito. “Vamos de chapa pura e também completa para vereadores”, informou. O PSDB tem como presidente Bruno Santos Leandro, que confirmou que a agremiação terá a reunião de convenção, mas que não deve lançar candidaturas próprias, fazendo apenas coligação com algum partido.

O atual prefeito de Passos, Carlos Renato Lima Reis, que é presidente do Cidadania, informou semana passada que não sairia candidato à reeleição. Até o fechamento desta edição ainda não tinha informado a data da convenção.
Os partidos Solidariedade, Republicanos e Partido Democrático Trabalhista (PDT) se reuniram em convenções em horários seqüenciais na tarde desta terça-feira, 14 para o lançamento dos nomes. Até o fechamento desta edição estava acertado o nome de André Patti para concorrer ao cargo de prefeito. Porém, não finalizaram para vice.
O Solidariedade é presidido por Sergio Marques que não tem candidatos nem a vereador. O Republicanos e o PDT são presididos, respectivamente, por Marco Aurélio dos Reis Silva e José Geraldo Lopes da Silveira. Estes partidos saem com completa para vereadores.