Destaques Geral

Paraíso firma parceria para coleta de lixo eletrônico

24 de fevereiro de 2021

O prefeito Marcelo Morais, a representante do Cidassp, Larissa Alves Silveira, e o empresário Matheus Mafra, da E-Descart em reunião na manhã de ontem. / Foto: Divulgação

S. S. PARAÍSO – A Prefeitura de São Sebastião do Paraíso, em conjunto com o Consórcio Intermunicipal para o Desenvolvimento Sustentável da Região de São Sebastião do Paraíso (Cidassp), realizará uma parceria com a empresa E-Descart Gestão de Resíduos Eletrônicos para criação de postos de coleta permanentes para a destinação desse lixo eletrônico que é produzido no município. Pela manhã, o prefeito Marcelo Morais, a representante do Cidassp, a advogada Larissa Alves Silveira, e o empresário Matheus Mafra, da E-Descart, se reuniram para alinhar as ideias para a efetivação do projeto.

Conforme explica Larissa, esta é uma demanda que os municípios consorciados ao Cidassp têm mais dificuldade em atender: a destinação correta de lixos eletrônicos, pilhas e baterias. Segundo dados, o Brasil é um dos maiores produtores de lixo eletrônico do mundo, porém, apenas 3% de todo esse material é recolhido e tem destinação adequada. Diante disto, a parceria entre o Município, o Cidassp e a empresa têm como objetivo minimizar o impacto ambiental causado por esses resíduos.

Fizemos um levantamento junto aos municípios que integram o Cidassp e identificamos que o lixo eletrônico, as lâmpadas, pilhas e baterias estavam no meio desses resíduos que eles mais têm dificuldade em fazer a destinação correta. Assim, o Consórcio buscou uma empresa que pudesse fazer a coleta e dar a destinação correta a esses materiais”, elucida a advogada.

Ainda segundo Larissa, é sabido que algumas empresas realizam esse serviço, porém, cobram por ele.

No nosso caso, encontramos a E-Descarte, que fará esse serviço gratuitamente. A empresa irá em todos os municípios realizar a coleta e fazer a destinação correta para esse lixo. Assim, além da melhoria ambiental, também traremos melhoria na qualidade de vida de toda população dessas cidades consorciadas ao Cidassp”, destacou.

De acordo com o prefeito e presidente do Cidassp, o principal benefício desta parceria é que agora a população terá um fluxo de descarte correto desses materiais.

O objetivo é fazer a nossa cidade a mais limpa da região, principalmente no trato com esse lixo. Hoje, esse lixo eletrônico é descartado de forma irregular em diversos pontos, tanto que vemos jogado pela cidade TVs, placas de computador, pilhas entre outros materiais”, explica

O prefeito ressalta que o município tendo condições de oferecer pontos fixos para essa coleta, a população consegue fazer o descarte correto desse lixo.

É uma parceria que visa a adequação dessa questão, priorizando o trato com o meio ambiente. É uma demanda que desde a vereança já percebíamos, agora é fazer a população entender que ela terá um local próprio para conseguirmos destinar esse lixo eletrônico e resolver esse problema que é crônico e, agora, todos os municípios consorciados terão a oportunidade de se adequar e também fazer a destinação correta desses materiais”, completa.