Destaques Esporte

Organizadas do América pedem as saídas de presidente e diretor de futebol

11 de junho de 2021

Foto: Divulgação

BELO HORIZONTE – Duas organizadas do América, a Torcida Seita Verde, e a Barra UNA pedem, nesta quinta-feira, as saídas do presidente do clube, Alencar da Silveira, e do diretor de futebol, Armando Desessards. No Twitter, os perfis levantaram as hashtags #foraalencar e #foradessessards, que foram acompanhadas por outros torcedores.

A Barra UMA fez duras críticas. Segundo a organizada, os dirigentes ‘menosprezam a história do clube’.

“Estamos cansando desses idiotas que se passam por cartolas e profissionais do futebol, quando, na verdade, não entendem p%##@ nenhuma e menosprezam a história do América Futebol Clube. No América não tem mais espaço para essas pessoas, e agora vai ser chuva de pressão! Fora todos vocês que não entendem a grandeza e a responsabilidade de gerir um cargo desta responsabilidade dentro do América! Queremos AMERICANOS no clube.”

Já a Seita Verde se restringiu a pedir reforços para o time. Na atual temporada, o América contratou 11 reforços: o zagueiro Ricardo Silva, os laterais Eduardo, Ramon e Alan Ruschel, os meio-campistas Juninho Valoura e Ramon, e os atacantes Luiz Fernando, Yan Sasse, Leandro Carvalho, Bruno Nazário e Ribamar. No entanto, com exceção de Marlon, Nazário e Ribamar, nenhum deles teve muito tempo de jogo.

A revolta da torcida se ampliou com a eliminação nos pênaltis para o Criciúma nessa quarta-feira, na terceira fase da Copa do Brasil. Antes dessa partida, o Coelho estava há cinco jogos sem marcas gols. Além disso, com o resultado, o time chegou à marca de seis duelos sem vitória (a equipe perdeu nas duas rodadas disputadas no Brasileiro). Essa é a maior sequência sem triunfos desde a chegada do técnico Lisca.

Alencar da Silveira foi eleito o presidente do América no dia 22 de fevereiro deste ano, após a chapa única ‘América Série A’ vencer as eleições digitais. Essa é a sua segunda passagem no cargo mais alto do clube. Entre 2015 e 2017, sob a gestão do dirigente, o América conquistou o acesso à Série A do Campeonato Brasileiro em 2015, o Campeonato Mineiro em 2016 e o título da Série B de 2017.

Armando Desessards chegou ao América no dia 24 de fevereiro para ocupar o cargo de diretor de futebol. Antes, como coordenador técnico e de futebol, passou por Internacional-RS, Guarany Camaquã-RS, Ulbra-RS, Criciúma-SC, Ferroviário-CE e Ceará-CE.