Destaques Folha Motors

Nova picape Chevrolet Montana chega ao mercado brasileiro

1 de julho de 2021

Projeção do design gráfico Kleber Silva mostra como pode ficar a nova geração da picape Montana, que nascerá do SUV Tracker. / Foto: Divulgação

Logo no início deste ano, a General Motors reativou um investimento de R$ 10 bilhões que foi anunciado em 2019, mas que estava congelado por causa da pandemia da Covid-19. Agora, apenas seis meses depois do anúncio, a montadora confirma a primeira novidade que está a caminho. A GM vai lançar a nova geração da picape Chevrolet Montana.

A confirmação do nome veio em um vídeo de um minuto divulgado nas redes sociais. Nele, a montadora mostra um pouco da fábrica de São Caetano do Sul, no ABC paulista. A unidade está parada no momento, recebendo robôs e um novo ferramental necessário para produzir um modelo inédito, que será justamente a nova Chevrolet Montana.

No vídeo, o presidente da GM América do Sul, Carlos Zarlenga, celebra o início das obras de modernização da linha de montagem em São Caetano do Sul. Sede da empresa no Brasil, a unidade vai montar a nova geração da picape sobre a base global GEM do SUV compacto Tracker. E não é só: a arquitetura servirá à nova geração da Spin, esperada para 2022.

Entretanto, tal como demonstra a GM, a nova Montana virá primeiro. Ou seja, vai inaugurar a nossa safra de carros nacionais da Chevrolet. Não por acaso, no fim do vídeo, Zarlenga confirma que a fábrica se prepara para produzir a “nova Chevrolet Montana”. Contudo, desta vez a picape vai desafiar modelos maiores, em especial a Fiat Toro.

É super importante para nós esse novo produto, é super importante para a presença da GM no Brasil. Nós estamos muito comprometidos com a nossa presença no Brasil”, diz Carlos Zarlenga, numa clara cutucada na Ford, que fechou suas fábricas brasileiras em janeiro. “E eu acho que a nova Chevrolet Montana vai fazer uma enorme diferença em nosso portfólio”, completa o chefe da GM, revelando, assim, o nome da picape.

Embora o presidente da GM não tenha revelado uma data de lançamento, é possível que a Chevrolet apresente a nova Montana ainda neste ano, ao longo do segundo semestre. Será uma maneira de esquentar a estreia comercial da nova picape, o que deve ocorrer no início de 2022.


Motores turbo flexíveis

A nova geração da Montana deverá, portanto, ter muito em comum com o novo Tracker, devendo herdar peças de acabamento e os motores flexíveis com turbo. Até o desenho da dianteira pode ser totalmente replicado. Já o porte será próximo ao da Fiat Toro. Contudo, a picape Chevrolet terá uma proposta mais urbana, sem tração 4×4 e versões a diesel.

O segmento de picapes intermediárias vem crescendo. Ou seja, são modelos maiores que as compactas, como a Fiat Strada e a Volkswagen Saveiro. Porém, menores que a Toyota Hilux e a Ford Ranger. Dessa forma, vem atraindo novos competidores. Entre as novatas estão a Ford Maverick e a Hyundai Santa Cruz. As duas devem chegar no Brasil. A picape da Ford está pronta e entra em produção agora em julho no México, sobre a base do SUV Bronco. Por sua vez, a Santa Cruz acaba de entrar em produção nos Estados Unidos. No Brasil, o modelo usaria a base da nova geração do SUV Creta.