Destaques Geral

MP orienta prefeitura de Passos a retirar muretas e lixeiras

30 de dezembro de 2020

Foto: Divulgação

PASSOS – Na manhã de segunda-feira, 28, atendendo uma recomendação do Ministério Público, com notificação feita em 30 de novembro, com prazo de 20 dias, a prefeitura de Passos iniciou a retirada de muretas e lixeiras em espaços públicos. As primeiras muretas foram eliminadas na praça JK, em frente a um supermercado. O motivo seria para dar vazão às águas das chuvas e para que as árvores não morram por terem suas raízes abafadas.

A notificação foi encaminhada à secretária Municipal de Obras, Habitação e Serviços Urbanos, Tereza Cristina Silva Leriano, para que, com o acompanhamento da Polícia Militar do Meio Ambiente e os fiscais de urbanismo, fizessem uma diligência às residências do entorno da Praça da Saudade, próxima ao Cemitério Municipal de Passos, e orientar para a retirada dos pregos nas árvores que estavam sendo utilizados para pendurar sacolas com lixo.

O promotor Antônio José de Oliveira pediu ainda que a administração pública faça divulgação dos dias corretos em que os caminhões de lixo passam e horários. Foi pedido ainda que a prefeitura explique o motivo pelo qual ainda não foram retiradas as lixeiras dispostas em praças, canteiros e espaços públicos. As orientações devem ser feitas, inclusive, aos moradores que se juntaram e fizeram as lixeiras comunitárias.

Da mesma forma, orientar e retirar muretas construídas no entorno das árvores de toda a cidade, tal qual a da avenida JK, no bairro Bela Vista. “O intuito do MP é de ajudar na consciência ambiental, respeitando a iniciativa da população, mas de acordo com o que for melhor para todos e para a natureza”, disse Oliveira.