Destaques Geral

Membros do CMAS do Glória são definidos por aclamação

Por Ézio Santos / Especial

19 de Maio de 2021

A SECRETÁRIA JULIENE RODRIGUES DISSE QUE O TRABALHO DOS CONSELHEIROS É VOLUNTÁRIO. / Foto: Divulgação

SÃO J. B. DO GLÓRIA – O Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) do município teve apenas 33,33% de renovação. Dos seis membros da sociedade civil da gestão anterior, quatro deixaram de fazer parte do órgão. Já os seis conselheiros governamentais, indicados pela administração municipal passada, permanecerão para o biênio 2021/2023.

A secretária municipal de Assistência Social, Juliene Aparecida Rodrigues Maia, os integrantes da sociedade civil no mandato anterior também tinham que efetuar suas inscrições. Como não houve inscrição suficiente de pessoas interessadas, no mínimo sete para que ocorresse votação por parte da população no dia 14 deste mês, os seis membros titulares e seis suplentes foram definidos por aclamação para o biênio 2021/2023.

A Comissão Organizadora me revelou que oito cidadãos se inscreveram para a disputa de seis vagas, mas dois desistiram de última hora, e por isso não tivemos votação. Com os 12 conselheiros definidos, vamos aguardar até o final deste mês para a cerimônia de posse, que é aguardada com muita expectativa também pelos novatos nas funções”, declarou Juliene.

Momentos antes da posse, cuja data e horário serão divulgados ainda nesta semana, ocorrerá a inauguração da Sala do CMAS, instalada no prédio da prefeitura.

Nós solicitamos ao prefeito Celso Ferreira, o espaço, que ainda fica na Secretaria Municipal de Assistência Social, e prontamente nos atendeu. O conselho terá um local próprio e exclusivo para arquivo de documentos e reuniões”, acrescentou a secretária.

O CMAS é o órgão que reúne representantes do governo e da sociedade civil para discutir, estabelecer normas e fiscalizar a prestação de serviços sociais públicos e privados no município. As principais funções dos conselhos são propor diretrizes das políticas públicas e fiscalização, controlar e deliberar sobre tais políticas. Muitas vezes, é o CMAS de cada área que aprovará uma lei ou ação que o Estado queira tomar sobre determinado assunto.


Membro do CMAS

Governamentais: titular: Ariane Angelina Martins; suplente, Renner Silva Ezequiel (representantes da Secretaria de Assistência Social); Iziane Soares Santos de Prado e Silvânia Vilela (Secretaria Municipal de Saúde); Otávia Marques de Abreu Maciel e Josilene Alves de Melo Gomes (Secretaria Municipal de Educação e Cultura).

Sociedade Civil: titular: Elizângela da Silva (representante da Associação de Mulher/Damas; suplente, Eleane Ferreira (Comunidade Rural Alto do Glória); Marta Maria Costa e Silva (Pastoral da Criança) e Samanta Faria Campos (Usuários da Assistência Social); José Bonifácio Nascimento Júnior (Lar São Vicente de Paulo) e Marcelino Martins (Sociedade Civil do Glória).