Destaques Geral

Médico recebe Moção de Congratulação

27 de novembro de 2020

Foto: Divulgação

CÁSSIA – O médico Loide Batista Rodrigues, 34 anos, natural de Cássia, foi homenageado no início da noite da última quarta-feira, 25, na Câmara Municipal cassiense, com a Moção de Congratulação pelos relevantes serviços prestados à comunidade, no exercício de suas atividades profissionais. A indicação da moção foi feita pelo vereador, Luciano José Barreto, e teve aprovação por unanimidade por parte de todos os parlamentares.


LEIA TAMBÉM: PM inicia Operação Natalina

LEIA TAMBÉM: Convênio não renovado prejudica clientes do Banco do Brasil

Para o vereador propositor da moção, Barreto, as dificuldades enfrentadas na área da saúde devem ser levantadas. “Os trabalhos feitos pelo Dr. Loide, só Deus mesmo para pagar o que o senhor tem feito pela população de Cássia. Nestes três anos que passaram o senhor sempre atendeu sem medir esforços. Socorreu o Pronto Socorro Municipal e, com isso, socorreu a saúde de Cássia. Parabéns”, afirmou.

Durante o discurso de agradecimento, o médico muito emocionado disse estar agradecido e lisonjeado. “Sou um filho da casa, e normalmente é difícil ter reconhecimento, principalmente numa área que é tão criticada, que é o Pronto Socorro. E, a Câmara reconheceu o trabalho que faço, eu estendo esta homenagem a todos os profissionais que atuam conosco e lutam para melhorar a saúde em Cássia. Vamos continuar trabalhando pela melhoria sempre, e o que estiver em nosso alcance, nós faremos”, disse.

Estiveram presentes à cerimônia, restrita, por conta da pandemia, a noiva do médico, a também estudante de Medicina, Alice de Oliveira Silveira e a filha do casal, Lorena Oliveira Batista, de 5 anos. O médico contou à reportagem que se sente muito honrado e emocionado com a homenagem. Ele, que veio de família humilde, estudou sempre em escolas públicas, excetuando o último ano do Ensino Médio, quando ganhou bolsa, na Fama.

Fiz o curso de Medicina na Faculdade Unifenas, campus de Belo Horizonte, com bolsa. Sei das dificuldades enfrentadas pela população de Cássia. Meus pais, Loide Rodrigues, que é funcionário de fazenda e minha mãe, Maria Rita Batista Rodrigues, dona de casa, sempre se esforçara muito para que eu pudesse ser o que gostaria: médico, meu irmão Leonardo, que hoje cursa odontologia, na época era muito jovem” afirmou.

Questionado sobre voltar para o município onde nasceu, podendo ir morar em qualquer lugar, o médico foi categórico em dizer que escolheu voltar para Cássia, para ser ali o seu lugar de desenvolver o que aprendeu.

Atendo no Pronto Socorro Municipal de Cássia, há 9 anos, como clínico geral/ emergencialista. Fiz pós-graduação em Urgência e Emergência, também em Medicina do Trabalho e agora vou atuar também com harmonização facial. Estou como diretor clínico do Pronto Socorro de Cássia e também do Pronto Socorro Municipal de Capetinga, onde presto serviços de pronto atendimento. Ainda em Cássia, atuo no Hospital (Instituto São Vicente de Paulo), em Cássia, disse também que sempre trabalha em busca de melhorar em vários âmbitos a vida da população, em que o mesmo já colabora socialmente, e que sem o apoio de seus familiares nada disso seria possível” finalizou.

Foto: Divulgação