Cidadania Destaques

Lar de idosos enfrenta falta de leite no Carmo

24 de julho de 2020

Foto: Divulgação

C. R. CLARO – O Lar Frederico Ozanam, da Sociedade São Vicente de Paulo, em Carmo do Rio Claro, tem enfrentado dificuldades para conseguir os mantimentos necessários para atender os idosos que são acolhidos no local.


Você também pode gostar de: Agências do Itaú são fechadas devido à covid-19

Após agredir namorada, homem é preso por posse ilegal de arma

Dentre todos os produtos, o leite é aquele que corre o maior risco de acabar. “Talvez dê até o próximo fim de semana”, revelou a presidente Helena Barbosa.

Ao servirmos todos os dias o café da manhã, lanches da tarde e noite, são gastos em torno de 30 litros. Então se alguém puder doar uma, duas, cinco ou mais caixinhas, em pó, pasteurizado ou mesmo cru, agrademos antecipadamente. Não temos medido esforços para que os internos continuem a receber o mínimo necessário para terem uma vida com qualidade”, disse.

Além disso, gêneros como arroz, feijão, açúcar, café, leite, sal e farinhas em geral nunca podem faltar na mesa de qualquer pessoa e das entidades filantrópicas.

Recentemente, a entidade esteve com o estoque de mantimentos baixo, mas graças a duas ‘lives’ realizadas no Facebook e a pedidos nas redes sociais, a situação foi amenizada.

A generosidades do povo carmelitano é demais. Estamos agradecidos por tantas doações, mas quem puder nos ajudar com ofertas semanais ou mensais, serão muito bem-vindas”, afirmou Helena.

Mesmo com escassez de alimentos, a sede do Lar dos Idosos Frederico Ozanam está bem estruturada. O Rotary Clube concluiu recentemente a obra de construção de cinco salas. Em parceria também com a Cooxupé e a IS Brasil Soluções Sustentáveis, o prédio recebeu equipamentos que geram energia solar fotovoltaica obtida através da conversão direta da luz em eletricidade. “Hoje não pagamos nada à Cemig pela energia elétrica”, garantiu a presidente.
Através do projeto ‘Corona Zero’, o Rotary testou os internos para ver se havia algum contágio por covid-19, mas todos os resultados foram negativos.

Temos o aparelho para verificação da temperatura corporal de 55 internos entre 60 e 100 anos, 25 funcionários e alguns membros da diretoria que forem ao lar. Além disso, o clube de serviço contribuiu com doações de diversos alimentos, materiais de higiene pessoal, limpeza ambiental, máscara facial e álcool em gel”, ressaltou Helena.

O lar Frederico Ozanam fica na rua São Vicente, 245, bairro Acampamento. Além de doações e ofertas espontâneas por parte da população de Carmo do Rio Claro, as arrecadações em dinheiro são obtidas através de conta bancária no Sicoob Credicarmo, cooperativa 756, agência 3.108, conta corrente 41.017 e CNPJ 05.012.095/0001-87. Por mês, a prefeitura repassa R$ 10 mil à entidade, contribuindo para que os salários dos funcionários estejam em dia.