Destaques Esporte

Jogo pela Taça Passos volta para o estádio Virgílio de Vasconcelos

14 de novembro de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – Em razão de um documento que o secretário municipal de Esporte, Lazer e Juventude, Flávio Costa Sarno, o Mamão, não forneceu ao presidente do Caram EC, a rodada dupla da Taça Passos de Futebol Amador voltou a ser programada para o estádio Virgílio Otávio de Vasconcelos. Até o início da semana, um dos confrontos estava programado para o estádio Abraão Caram.

Por meio da Liga Passense de Desportos (LPD), o presidente do clube, o advogado Jefferson Rodrigues de Oliveira, havia solicitado ao secretário Mamão um ofício afirmando que a prefeitura de Passos apoiava a volta do futebol amador, mesmo em plena pandemia, em razão de o município estar classificado na onda verde.

Não chegou às minhas mãos a solicitação e nem sei do que se trata, mas estou à disposição para ajudar a diretoria do Caram a ter jogos em casa, se tiver em condições, inclusive, de receber público”, afirmou Mamão. Sendo assim, no dia 22 de novembro, no estádio Virgílio Vasconcelos, a partir de 8h30, se enfrentam Caram e Novorizontino, bem como São Jorge e Santosa.

Quanto ao protocolo de enfrentamento à covid-19, estagiários do curso de Medicina da Faculdade Atenas atuarão durante as duas partidas para verificar temperatura corporal, fiscalizar o uso de máscara facial e o distanciamento social, além de servir álcool em gel. A permissão para a entrada limitada de torcedores no estádio será definida somente no início da semana que vem por Mamão e o secretário municipal de Saúde, Evandro Bogo.

O diretor de Futebol da LPD, Aílton José de Aquino, informou ontem, 13, que o acesso de jogadores e membros da comissão técnica dos quatro clubes amadores ocorrerá apenas pela rua Bahia, no bairro Bela Vista, onde se localiza o portão lateral do estádio.

Os estudantes de medicina serão os responsáveis pela organização das pessoas autorizadas que vão adentrar no Virgílio. Nada de aglomeração para não virar tumulto. Peço a colaboração de todos os envolvidos nos dois confrontos. Haverá higienização das bolas do jogo, bancos de reservas e vestiários”, assegurou.

Para a realização de outros três jogos, todos no Virgílio Vasconcelos, a Liga reservou mais duas datas. No dia 28 de novembro, às 15h30, o Palmeirinha enfrenta a Ponte Preta. Já no dia seguinte, às 8h30 e às 10h30, haverá Santosa x Portuguesa e São Jorge x Cascavel, respectivamente.