Destaques Geral

Igrejas adotam Pix para receber dízimo em Passos

Por Felipe Misuraca / Especial

5 de julho de 2021

Foto: Divulgação

PASSOS – Igrejas de Passos têm adotado o Pix para receber dízimo dos fieis. Com a pandemia de covid-19 e as restrições em relação à presença em cultos e celebrações, a ferramenta de pagamento eletrônico instantâneo começou a ser utilizada em dezembro do ano passado e é considerada uma nova tendência. Pastores apontam que a arrecadação de contribuições por parte dos fieis diminuiu em função do coronavírus.

De acordo com o pastor da Igreja Presbiteriana de Passos Moisés Coelho Castro, a adoção do Pix tem sido encarada de forma positiva por parte dos fieis. “Como foi um sistema de pagamento instantâneo elaborado pelo próprio Governo Federal, a Igreja adotou o Pix de forma natural”, disse. Segundo ele, os membros da Igreja acolheram a novidade de maneira positiva já que simplifica e facilita a transferência de valores. O pastor afirma ainda que cada transação realizada por meio do Pix é contabilizada e identificada para o caixa da igreja. Segundo ele, em decorrência da pandemia, houve uma queda no número de arrecadações.

Para Moisés, a expectativa para o futuro é otimista.

Por conta da pandemia, houve uma redução pequena, mas quando tudo isso passar, não tenho dúvida de que esse tipo de contribuição continuará ocorrendo, uma vez que o Pix veio para ficar. O sistema é muito rápido e hoje ninguém consegue ficar sem o banco no celular e, por isso, o Pix melhorou até mesmo a agilidade das questões financeiras na vida de muitas pessoas”, concluiu o Pastor.

Para a estudante Talita Silva, membro da Assembleia de Deus, o pagamento instantâneo oferece mais comodidade.

Acho que o sistema facilita pelo fato da pessoa poder contribuir, mesmo que seja à distancia, e também para não ter aglomeração, uma vez que os cultos estão sendo realizados em horários resumidos. Dessa forma, é um meio de continuarmos contribuindo com a igreja”, disse a que estudante de 23 anos.

Na Igreja Católica, o sistema foi adotado em uma campanha de arrecadação para obras de construção da Capela Nossa Senhora do Carmo, e a previsão é que também seja adotado para o dízimo, segundo o padre Sandro Henrique Almeida dos Santos, pároco na Senhor Bom Jesus dos Passos desde 2016.

Preferimos primeiro organizar para a campanha da construção e depois abriremos o recebimento via Pix para o dízimo. Por se tratar de uma campanha específica, não misturamos a receita”, disse o religioso.