Destaques Geral

Homens entre 18 e 24 anos são maioria dos contratados em Passos

Por Beatriz Silva / Redação

13 de outubro de 2020

Das 5.127 contratações em Passos, os trabalhadores com ensino médio completo compõem a maioria dos admitidos. / Foto: Divulgação

PASSOS – Homens com idade entre 18 e 24 anos compõem o grupo com o maior número de trabalhadores admitidos no mercado formal de Passos. De acordo com o balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), de janeiro a agosto deste ano foram geradas 882 vagas com carteira assinada para profissionais com esse perfil, ao passo que as mulheres, na mesma faixa etária, conquistaram 603 oportunidades de trabalho.


O que você também vai ler neste artigo:

  • Grau de Instrução
  • Estado

Ainda no município, pessoas do sexo masculino, entre 30 e 39 anos, fazem parte do segundo grupo com mais admissões (831). Em relação às mulheres da mesma faixa etária, houve 467 contratações. Até agosto deste ano, o mercado também absorveu 569 homens entre 25 e 29 anos. O número é superior ao de mulheres que têm a mesma idade – para este grupo, foram criados 378 postos de trabalho. Em relação à faixa de 40 a 49 anos, 558 homens foram selecionados pelo mercado de trabalho formal do município. O número representa mais do que o dobro do resultado das mulheres (231).

Já entre as faixas etárias com menores índices de contratação, 326 homens entre 50 e 64 anos foram admitidos, ao mesmo tempo em que 93 mulheres foram selecionadas para algum posto de trabalho. Quanto aos trabalhadores com 65 anos de idade ou mais, 12 homens e três mulheres iniciaram alguma atividade remunerada com carteira assinada entre janeiro e agosto de 2020 no município. Por último, entre os menores de idade, os homens também são maioria em relação às admissões. Considerando os rapazes que têm 17 anos ou menos, houve 115 contratações. Durante o mesmo período, 59 adolescentes do sexo feminino ingressaram no mercado passense.

Grau de Instrução

Das 5.127 contratações computadas em Passos pelo Caged desde o início do ano, os trabalhadores com ensino médio completo compõem a maioria dos admitidos. Dessa forma, 3.332 pessoas registradas finalizaram o ensino básico; 480 possuem o ensino fundamental incompleto; 433, o ensino superior completo; 422, o ensino médio incompleto; 308, o fundamental completo; 146, o superior incompleto; e seis são analfabetas.

Estado

Em Minas Gerais, 632.469 homens e 30.706 mulheres foram contratados desde o início do ano. A faixa etária entre 18 e 24 anos, com 278.675 admissões, é a que teve o maior número de trabalhadores registrados – 171.238 do sexo masculino e 107.437 do sexo feminino. Na sequência, 271.055 pessoas que ingressaram no mercado de trabalho formal têm entre 30 e 39 anos. Desse total, são 177.922 homens e 93.133 mulheres.

Já em relação ao grau de instrução dos trabalhadores em território mineiro, a maior parcela (554.596 empregados) tem o ensino médio completo; 112.476 possuem o fundamental incompleto; 94.676, o superior completo; 84.679, o médio completo; 84.679, o médio incompleto; 37.734, o superior incompleto; e 4.820 são analfabetos.