Destaques Geral

Grupo assume indústria da Casmil

2 de julho de 2020

A empresa, de Porto Velho/RO havia iniciado operações em Passos no início de julho e estava recebendo leite de alguns cooperados. / Foto: Helder Almeida

PASSOS – Quem passou ontem pelas imediações da unidade de produção de laticínios da Cooperativa Agropecuária do Sudoeste Mineiro (Casmil), na Rua Cel. João de Barros, em Passos, ficou sabendo por meio de algumas faixas que a unidade está sob nova direção, do Grupo
Rondominas.

Desde a segunda quinzena de junho, os cooperados receberam uma carta informando que a partir do dia 25 do mesmo mês o grupo assumiria a parte industrial da Casmil. O documento, em redação bem deficiente, informa que “nós, do Grupo Rondominas, estamos felizes por mais esse investimento onde o grande parceiro serão vocês, produtores de leite”.

O comunicado acrescenta que “estaremos juntos desenvolvendo uma nova forma de negócio e para isso estaremos investindo alto na nossa parceria com vocês produtores”.

Informa ainda que a Rondominas tem toda uma estrutura econômica e poderá oferecer aos parceiros condições de trabalho que vão desde preços melhores até a liberação de uma linha de crédito para a ampliação do rebanho ou para a melhora da estrutura: “Hoje começa uma nova etapa e contamos com o seu braço nessa empreitada”.

E conclui fazendo a apresentação do novo proprietário:

Somos um grupo de empresas espalhadas no país e uma unidade de negócios fora do país, que atua em diversos seguimentos – transportes, mineração, pavimentação, alimentício e financeiro”.

A Folha conseguiu localizar a sede da empresa em Porto Velho, em Rondônia, e falou com um de seus diretores. Tanto ele quanto o presidente da Casmil, Leonardo Medeiros, ficaram de dar mais informações sobre as negociações e o modelo de negócio fechado, mas até o fim da tarde de ontem eles não retornaram com as informações. Um dos dirigentes revelou apenas que os diretores estavam envolvidos na inauguração de um escritório da empresa na Avenida Paulista, em
São Paulo.

Foto: Helder Almeida