Coluna MG Destaques

Governo lança projeto de turismo

20 de janeiro de 2021

Minas para Minas, Minas para o Brasil e Minas para o mundo. Em visita à Ouro Preto no final de semana, o secretário de Estado de Cultura e Turismo de Minas Gerais, Leônidas de Oliveira, apresentou ao prefeito Angelo Oswaldo vários projetos que buscam promover o turismo cultural de Minas e que trazem Ouro Preto como parte fundamental dessa estratégia. “70% do turismo em Minas Gerais é um turismo cultural e Ouro Preto é o maior destino, segundo as pesquisas do Estado de Minas Gerais, e tem uma importância cultural que transcende o estado, o país e o mundo”, ressaltou Leônidas. (O Liberal- Ouro Preto)


O que você também vai ler neste artigo:

  • Valadares recebe autonomia
  • Assinada ordem da captação
  • Prefeitura trata de ocupações
  • Volta dos alunos atingiu 70%
  • Seringas chegam a Caratinga

Valadares recebe autonomia

O município de Governador Valadares recebeu autonomia para estabelecer suas próprias regras para prevenção e combate ao coronavírus, inclusive normas para flexibilização e abertura de atividades comerciais. Até o final desta semana, Valadares deve deixar de cumprir com as determinações do plano Minas Consciente, do governo estadual, e o prefeito André Merlo deve editar um novo decreto. Entidades empresariais entraram com uma reclamação no Supremo Tribunal Federal (STF) e, embora ainda caiba recurso, a autonomia foi garantida em uma decisão de 16 de dezembro, publicada no início deste mês. (Diário do Rio Doce – Governador Valadares)

Assinada ordem da captação

O governador Romeu Zema assinou na segunda-feira, 18, em Ibiaí, a ordem de serviço para início das obras da Adutora de São Francisco, que trará água do rio São Francisco, em Ibiaí para a cidade de Montes Claros, passando pela adutora do Sistema Pacuí, em Coração de Jesus. A obra foi planejada na administração do governador Fernando Pimentel, que em setembro de 2018 concluiu a primeira etapa, de Coração de Jesus a Montes Claros, em investimento de R$ 85 milhões na época. Agora serão aplicados R$ 209 milhões, financiados pelo Banco Europeu. (Gazeta Norte Mineira- Montes Claros)

Prefeitura trata de ocupações

Uma comissão representada por moradores de ocupações irregulares localizadas nos bairros Ana Pinto de Almeida, Bom Jesus e Santa Maria foi recebida na Secretaria Municipal de Ação Social de Araxá para tratar sobre a situação dessas áreas. O encontro foi designado pelo prefeito Robson Magela e definiu que nos próximos dias uma comissão da prefeitura iniciará o levantamento de dados e mapeamento de famílias e moradias. Além da secretaria, o estudo vai contemplar a participação da Procuradoria-Geral e do Instituto de Planejamento e Desenvolvimento Sustentável de Araxá, que também estiveram presentes no encontro. (Diário de Araxá)

Volta dos alunos atingiu 70%

O retorno das aulas presenciais na rede municipal em Coronel Fabriciano foi nesta segunda-feira, 18, em 19 das 24 escolas e creches do município. Segundo levantamentos da Secretaria de Governança Educacional, a volta dos alunos atingiu 70% do esperado. Diferentemente do período experimental realizado entre 23 de novembro e 18 de dezembro de 2020, as aulas agora são obrigatórias e determinantes para a conclusão do ano letivo do estudante. Quem não comparecer às aulas será registrado como falta. Estudantes da educação infantil (4 e 5 anos) e do ensino fundamental (1° ao 9° ano) retornaram os estudos por decisão do Prefeito Municipal e da Secretaria de Governança Educacional após ouvir os pais. (Diário do Aço- Ipatinga)

Seringas chegam a Caratinga

A Gerência Regional de Saúde de Coronel Fabriciano atua na distribuição das seringas agulhadas que serão utilizadas na vacinação contra a covid-19 aos municípios. A regional recebeu 1.024 caixas, num total de 256.000 seringas, que serão suficientes para vacinação de todo o grupo prioritário inicial. Em Caratinga, na tarde de segunda-feira, 18, chegaram 121 caixas de seringas, ou seja, 30.250 unidades, que foram retiradas no almoxarifado em Coronel Fabriciano. Os insumos estão armazenados na Vigilância Epidemiológica. (Diário de Caratinga)

Rede de Notícias do Sindijori MG