Destaques Esporte

Flamengo descumpre restrições e faz treino

21 de Maio de 2020

O Cruzeiro é cotado com o segundo time com chances de subir para a série a do campeonato brasileiro. / Foto: Divulgação (Site EBC)

RIO DE JANEIRO – Assim como havia acontecido na terça, os jogadores do Flamengo treinaram na manhã de ontem no gramado do Ninho do Urubu. O elenco utilizou dois campos do centro de treinamento.

Na terça-feira, o prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, havia dito que só estava liberada a volta para processo de fisioterapia dos jogadores dos clubes da
cidade.

O Flamengo afirmou que a retomada consistiria apenas em avaliações. O clube entende que as atividades não configuram treinamentos e, por isso, não há desobediência à determinação das autoridades.

Houve movimentação no gramado na terça. Na quarta pela manhã, as imagens mostram que os jogadores utilizaram dois campos no Ninho do Urubu: em um, havia nove jogadores e quatro membros da comissão técnica; e no outro, dez jogadores e quatro membros da comissão.

Na terça-feira, o presidente do Flamengo, Rodolfo Landim, o médico Márcio Tannure e o diretor de marketing do clube, Alexsander Santos, se reuniram em Brasília com o presidente da República, Jair Bolsonaro. O encontro também contou com a presença do presidente do Vasco, Alexandre Campello. De acordo com Bolsonaro, Landim e Campello querem a volta dos jogos.

Os jogadores do Flamengo se apresentaram na segunda-feira, no centro de treinamento, para uma nova rodada de testes da Covid-19. Os resultados mostraram que dois atletas testaram positivo pela segunda vez.

Na terça-feira, em coletiva de imprensa, o prefeito Marcelo Crivella comunicou que ainda não autorizou os clubes de futebol a retomarem seus treinamentos. A secretária municipal de Saúde, Beatriz Busch, acrescentou que iria entrar em contato com as equipes.

Foram aprovados os procedimentos do caderno de encargos para evitar contágio quando os clubes voltarem aos treinos e aos jogos. Foi autorizada também a volta dos atletas que estavam em fisioterapia cujos casos poderiam agravar. Foi comunicado ao presidente do Flamengo e o Vasco que isso tinha sido deliberado. Pelo conselho, não foi aprovada a volta aos treinos” explicou a secretária.

O Flamengo não é o primeiro clube da Série A a voltar aos treinamentos. Mas os outros receberam autorização governamental. Depois de algumas idas e vindas, o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, liberou o retorno de Grêmio e Inter no último dia 11, inicialmente com atividades individuais. O mesmo ocorreu em Minas Gerais. O Atlético foi a campo pela primeira vez na terça, com jogadores separados, e o Cruzeiro irá na quinta.