Destaques Geral

Estado lança campanha para alertar sobre cerol em linha de pipa

22 de julho de 2021

Muitos acidentes são causados pelo descuido ao brincar de pipa perto de redes elétricas. / Foto: Divulgação (Agência Brasil)

O Governo de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp), lançou nesta quarta-feira, 21, a segunda edição da campanha on-line “A Vida por um Fio”, que tem como objetivo alertar a população sobre os riscos do uso de cerol e linha chilena, além de incentivar a denúncia do comércio ilegal e locais onde são fabricados esses materiais.

Serão distribuídos peças publicitárias e vídeos institucionais que abordam os riscos de usar linhas cortantes em pipas e papagaios e de empinar esses brinquedos perto de linhas elétricas, alto de telhados e lajes ou em locais movimentados.

Todas as peças também estimulam a denúncia do comércio de linha chilena e cerol, por meio do Disque Denúncia Unificado (DDU), o 181, cuja ligação é gratuita e de anonimato garantido. O serviço funciona nos 853 municípios do estado, 24 horas por dia. Neste ano, já foram recebidas 426 queixas.

A Lei estadual nº23.515/19 veda a comercialização e o uso de linha cortante em pipas, papagaios e similares. A multa para quem for flagrado vendendo linhas cortantes varia de R$ 3.590 a R$ 179 mil (para casos de reincidência).