Destaques Geral

Em 13 dias, volume de chuva neste mês supera o acumulado em março de 2020

Por Talita Souza/ Redação

15 de março de 2021

Foto: Divulgação

PASSOS – O volume acumulado de chuva entre os dias 1º e 13 de março deste ano em Passos (93 mm) supera o total registrado no mês inteiro em 2020 (87,2 mm). Segundo informações do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o primeiro domingo de março, dia 7, foi o mais chuvoso no município, com 39,8 mm, o que ultrapassa um terço do volume de chuva no período. A previsão para os próximos dias é de pancadas isoladas.


Foto: Divulgação

Você também pode gostar de: Mais de 3 mil de pessoas na região já declararam imposto

De acordo com a meteorologista do Inmet Anete Fernandes, é normal um clima chuvoso durante a primeira quinzena de março.

Nesse início de mês, temos chuvas com frequência por causa da zona de convergência do Atlântico do Sul, que é quando tem o transporte de umidade da região amazônica”, disse Anete.

Na última semana, segundo ela, ocorreu uma frente fria que avançou do litoral de São Paulo para Minas Gerais. Para a segunda quinzena de março, a meteorologia prevê que as chuvas passem a ser em pancadas isoladas.

Segundo o Inmet, para este domingo, 14, as previsões são de 100% de umidade máxima, e 40% de mínima, e temperatura máxima de 33ºC. Para segunda-feira, o céu deve ter poucas nuvens e a temperatura deve ficar entre 22ºC e 32ºC. Na terça, muitas nuvens, chuvas isoladas, ventos fracos e temperatura de 20º a 34ºC.


Guapé

Um forte vendaval seguido de chuva atingiu o município de Guapé. / Foto: Divulgação

Na última terça-feira, 9, Um forte vendaval seguido de chuva atingiu o município de Guapé, por volta das 13:30hs, causando destelhamento, queda de árvores e interrupção de energia elétrica. Segundo informações da Prefeitura de Guapé, muitas residências e instalações comerciais, como marinas, lojas e armazéns tiveram o telhado danificado pelo vento forte, que retirou e quebrou muitas coberturas, mas não houve registro de vítimas.

A rede elétrica também foi atingida pela queda de árvores, causando interrupção na energia, que está gradativamente sendo restabelecida em toda a cidade. De acordo com a prefeitura, equipes do departamento de Obras e Manutenção da Secretaria Municipal de Infraestrutura foram imediatamente acionadas para fazer o levantamento dos danos causados pelo vendaval e executaram os serviços de poda e retirada de árvores danificadas, liberando as vias públicas.