Cultura Destaques

Edital Aldir Blanc finaliza inscrições com grande procura

8 de dezembro de 2020

Foto: Divulgação

PASSOS – Nesta segunda-feira, 7, às 17h foi o último horário para a apresentação das propostas para que artistas e produtores culturais pudessem competir pelos recursos do edital da Lei Aldir Blanc. A procura foi grande por parte dos interessados. O edital foi lançado no dia 24 de novembro e os envelopes deverão ser abertos no dia 9 de dezembro.


Você também pode gostar de:

Deslizamento de barranco atinge pátio de carros

Homem fica ferido ao bater em barranco

De acordo com o secretário de Cultura e Patrimônio Histórico, Carlos Jorge Ribeiro, o Caju, os prêmios serão distribuídos em quatro módulos distintos, dentre os quais o interessado poderia se inscrever em apenas um. Os valores das premiações variam entre 5 mil e 25 mil reais, a depender do módulo.

São quase 800 mil reais que vão beneficiar o setor cultural passense. O objetivo do edital é dar aos técnicos culturais, artistas, coletivos, núcleos, grupos, produtores, agentes culturais e educadores culturais que auxiliam e realizam atividades voltadas para as linguagens circenses, teatro, dança, música, artes plásticas e outras formas de arte, promovendo a cultura como agente de transformação social.

Também participaram os interessados no Edital de Subsídio Mensal, destinado a selecionar espaços artísticos e culturais, microempresas e pequenas empresas culturais, cooperativas, instituições e organizações comunitárias que tiveram suas atividades interrompidas pelas medidas de isolamento social e oferece um auxílio de 3 parcelas mensais, que variam entre 3 mil e 10 mil reais, segundo os critérios presentes no edital. A Lei Aldir Blanc tem por finalidade atender ao setor cultural, um dos mais afetados pela pandemia da covid-19.

Questionado sobre a possibilidade de não haver os depósitos das premiações e subsídios, Caju informou que a administração municipal está fazendo um grande esforço para que não haja qualquer atraso.

A prefeitura ficou nestes últimos 11 dias empenhada, com profissionais para sanar dúvidas e realmente ajudar para que os artistas conseguissem fazer o processo de maneira clara. Porém, se algum candidato entrar com recurso, e o edital prevê esta possibilidade, o processo pode sim atrasar. Se isso acontecer, a próxima gestão terá de buscar ajuda em Brasília, junto ao Ministério da Cultura, pois foge da alçada do município. Caso ninguém entre com recurso, até no dia 21 de dezembro conseguimos finalizar o edital”, disse Caju.

Sobre o edital municipal Cultura Cura, o secretário informou que a prefeitura tem até 30 dias para iniciar os pagamentos.