Destaques Geral

Delfinópolis realiza Quaresma das Almas

Por Adriana Dias / Redação

20 de fevereiro de 2021

Foto: Divulgação

DELFINÓPOLIS – O grupo Folia das Almas da Canastra vai realizar uma programação especial este ano, por conta da pandemia e também por ser o ano de celebração do sesquicentenário da Paróquia do Divino Espírito Santo, em Delfinópolis. O evento ‘Quaresma das Almas’ tem início com o terço católico, neste sábado, 20, às 19h, no Oratório da Praça de Nossa Senhora Aparecida, na Capela Velha. São sete terços sendo que o último será realizado no Oratório do Bom Jesus das Almas, na Praça Lafayette Soares, no dia 3 de abril, às 19. (Confira a programação completa nesta página).


O que você também vai ler neste artigo:

  • Cemitério
  • Tradição
  • Programação da Folia das Almas da Canastra

De acordo com o coordenador do grupo, Edson Neves, essa festividade tem um sabor todo especial e o projeto na cidade é inédito.

Não estamos fazendo a festa tradicional da Folia das Almas que acontece todos os anos nas comunidades rurais há mais de 100 anos. Com a pandemia tivemos que nos adaptar, trazendo esta nova demanda que pode se tornar também tradicional ao longo dos anos, uma maneira de reviver este ritual que no passado também ocorria em nossa cidade. É na verdade uma releitura do passado de nossa tradição no meio urbano”, disse.

O grupo inicial, que teve sua origem do canto e reza para as almas há 103 anos e já passou por três fases, conta com a atual formação que completa 33 anos de caminhada e tem 30 integrantes, entre homens, mulheres e crianças – os mascotes.
Recentemente o grupo Folia das Almas da Canastra ganhou uma Cruz itinerante, feita em madeira e pintada pelo artista que se considera art naif – autodidata com características próprias -, o mineiro, de Belo Horizonte, Ronaldo Mendes.

Ele esteve em Delfinópolis e presenteou o grupo com esta peça para o projeto Quaresma das Almas, que será o símbolo do projeto. Para o próximo ano a cruz vai receber suporte nos sete Oratórios que ainda serão construídos”, informou Neves.

Para a realização dos terços na cidade, o grupo vai se revezar para rezar sem aglomerações, em diferentes oratórios da cidade, pedindo a encomendação das almas. Todos utilizando máscaras brancas que foram confeccionadas para as apresentações. O grupo conta com o apoio da Prefeitura de Delfinópolis, por meio do Conselho Municipal do Patrimônio Cultural.

A tradição, que existe na região há séculos, permanece viva aqui encerrando a quaresma com cantos e rezas pela paz das almas no purgatório. Pedimos que os interessados acompanhem os terços de suas casas para não causar aglomeração e, no último dia haverá uma transmissão pela rede social Facebook do grupo”, salientou o coordenador.

Cemitério

A paróquia do Divino Espírito Santo completa neste ano seu Sesquicentenário, ou seja, 150 anos, e, ainda conforme o coordenador do grupo, Edson Neves, a tradição da Folia das Almas é tão antiga quanto a própria igreja.

Só no Vale da Gurita existimos há 103 anos, desde a criação do Cemitério do Tatu, em 1918, devido à epidemia da Gripe Espanhola. O Cemitério do Tatu é um dos últimos Cemitérios de Caminho da Canastra, ele é um dos locais de referência de nossa tradição. Mas antes de nós existiram outros grupos no meio rural e também na cidade. Hoje, o ritual centenário só acontece nos territórios ligados às Comunidades Tradicionais da Canastra. Somos o último grupo em toda a região que realiza o ritual do Canto das Almas, este ano e no ano passado não pudemos visitar as casas e fazendas por conta da pandemia. Este ano resolvemos desenvolver este novo projeto para não deixar nosso grupo dispersar. É uma forma de atrair mais devotos e sensibilzar a comunidade urbana sobre a importância deste grande legado de nossa Cultura Canastreira ainda viva”, salientou Neves.


Tradição

O canto das almas ou encomendação das almas é uma tradição popular católica secular, frequente em Portugal e Espanha desde, pelo menos, o século XVII de onde se propagou ao Brasil. É característico da Quaresma, embora também fosse cantado no dia de finados e no ano novo, em combinações diversas com janeiras e reisadas. Segundo o fotógrafo e pesquisador Guy Veloso, esta tradição está presente nas 5 regiões do Brasil.


Programação da Folia das Almas da Canastra

1º TERÇO
ORATÓRIO DE NOSSA SENHORA APARECIDA
CAPELA VELHA: PRAÇA DO BAIRRO N. SRA APARECIDA
DIA: 20 DE FEVEREIRO, ÀS 19H

2º TERÇO
ORATÓRIO DE NOSSA SENHORA DO BOM CONSELHO
CAPELA DO LSVP: AV. PADRE IVO SOARES DE MATOS
DIA: 27 DE FEVEREIRO, ÀS 19H

3º TERÇO
ORATÓRIO DE SÃO SEBASTIÃO
PRAÇA DO BAIRRO SÃO SEBASTIÃO
DIA: 06 DE MARÇO, ÀS 19H

4º TERÇO
ORATÓRIO DE N.SRA DO DIVINO ESPÍRITO SANTO
CRUZEIRO DO ROSÁRIO: PRAÇA DA RODOVIÁRIA
DIA: 13 DE MARÇO, ÀS 19H

5º TERÇO
ORATÓRIO DE SÃO JOSÉ DE ANCHIETA
PADROEIRO DA MATA DO ÍNDIO
MEMORIAL DA BIQUINHA-CAMPO DA PRAINHA
DIA: 20 DE MARÇO, ÀS 19H

6º TERÇO
ORATÓRIO DOS REIS MAGOS OU SANTOS REIS
CRUZEIRO DA PÇA DO BAIRRO PORTAL DA CANASTRA(BERRA BOI)
DIA: 27 DE MARÇO, ÀS 19H

7º TERÇO
ORATÓRIO DO BOM JESUS DAS ALMAS
AO LADO DO MEMORIAL DAS ALMAS DA CANASTRA
PRAÇA LAFAYETTE SOARES
DIA: 03 DE ABRIL, ÀS 19H

Fotos: Divulgação