Destaques Geral

Corpo de Bombeiros alerta sobre projeto para crianças

6 de março de 2021

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – O projeto ‘Bombeiro Mirim Civil’ que está sendo divulgado nas redes sociais, não tem nenhuma ligação com o Corpo de Bombeiros em Passos. De acordo com o 2º sargento da corporação na cidade Rodrigo Junio de Oliveira, o Corpo de Bombeiros em Passos não realiza o ‘Bombeiro Mirim’ desde 2009.


Você também pode gostar de: Preços de funerais variam de R$1,2 mil a R$25 mil na região

Ainda de acordo com o sargento, está sendo divulgado por meio de redes sociais o projeto ‘Bombeiro Mirim Civil’ utilizando o nome do Corpo de Bombeiros.

Tem sido veiculado nas redes sociais um projeto Bombeiro Mirim Civil, esse projeto não tem nada a ver com o Corpo de Bombeiro Militar de Minas Gerais. Essas pessoas que estão divulgando nas redes sociais de Passos são particulares, não tem vínculo nenhum com a corporação”, explicou Oliveira.

O projeto ‘Bombeiro Mirim’, promovido pelo Corpo de Bombeiros em Passos, não atua desde 2009, por falta de espaço. O programa formou, até 2009, 240 crianças na cidade, com idade entre 8 e 12 anos, e tem duração de seis meses, onde as crianças aprendem sobre primeiros socorros básicos e participam de palestras com médicos, dentistas e outros profissionais da área de saúde.

A parte principal dele é justamente ensinar a criança um pouco de prevenção, sobre os riscos, sobre o trânsito, sobre questões de saúde etc. Embutir mesmo na criança a parte prevenção e também aprender um pouco da atividade do Corpo de Bombeiros. A nossa intenção é que quanto mais crianças crescem cientes das atividades, mais acabem entrando para a corporação”, destacou o sargento.

Segundo ele, a previsão é de que esse ano seja realizado o Projeto ‘Golfinho’, que é uma vertente do ‘Bombeiro Mirim’.

O Projeto Golfinho, que é de natação, vamos conseguir implantar este ano. É um projeto que vai abranger crianças de 5 a 12 anos, sendo seis crianças por turno, em quatro turnos. Ao todo, serão 48 crianças por dia. Esse projeto é uma vertente do Bombeiro Mirim, mas com restrições menores e está sendo formatado agora. Acredito que até o final de março estaremos com as inscrições abertas para toda a população e o projeto deve ser feito em seis meses, onde vamos ensinar as crianças a nadar em dois estilos diferentes”, disse.