Destaques Geral

Consumidores esperam gastar até R$100 com presente para os pais

Por Maynara Aislin / Redação

8 de agosto de 2020

Foto: Arquivo FM

PASSOS – No próximo dia 9 será comemorado o Dia dos Pais, mas a pandemia do novo coronavírus trouxe algumas diferenças significativas em relação ao ano passado.
Em contato com consumidores, a equipe da Folha da Manhã apurou que o valor médio dos presentes não deve ultrapassar R$ 100. De acordo com eles, a pandemia está sendo decisiva para limitar os gastos. Produtos artesanais com menor custo são opção e os consumidores apostam no valor emocional. Camisas, sapatos, loções pós-barba e cestas de comidas também foram alguns exemplos dados pelos entrevistados.

No entanto, o item mais comentado pelos consumidores foi a cerveja, embora bebidas destiladas não tenham sido descartadas. Carlos Alberto Amaral dos Santos é produtor de cervejas artesanais e afirmou que a procura está alta.

Muita gente me procurou para alguma cerveja diferente para presentear os pais, é sempre um presente bem legal e único, já que é algo artesanal. As que mais saem são as com café e alguns kits com duas ou três. Eu fiz promoção nas redes sociais e chamou muita atenção”, revelou. Também é possível ver diversas promoções de cervejas em supermercados.

Por outro lado, presentes mais tradicionais ainda se mostram opções viáveis. Gabriela Augusta Figueiredo é dona de uma loja de camisas masculinas e contou que a estratégia é chamar a atenção do consumidor.

Fizemos promoção com alguns itens mais em conta, camisas, cintos, e desconto para pagamentos à vista”, disse.

Mesmo com esses descontos e promoções, a empresária lembrou que neste ano há bem menos fluxo de compras, o que às vezes frustra o comerciante:

As vendas estão baixas se formos comparar com o ano passado, acho que a pandemia influenciou muito nos presentes, muita gente vai fazer algo mais íntimo, como alguma refeição ou presentes bem mais simbólicos”.

Para o economista João Pedro Pereira Barbosa, a parcela que será paga do salário dos funcionários públicos pode ‘aquecer’ essas vendas.

Quando é Dia dos Pais, a comemoração e a propaganda não são tão fortes quanto no Dia das Mães. A divulgação é menor, mas mesmo assim existe a preocupação em comemorar o dia com o pai. O governador vai soltar a primeira parcela do pagamento do funcionário público no dia 8 e, mesmo sendo uma pequena quantidade, já movimenta um pouco o mercado”, afirmou.

Produtos artesanais e compras on-line ganham destaque

PASSOS – Um diferencial deste Dia dos Pais é que uma quantidade significativa de pessoas vai adotar as compras on-line. Caroline Almeida Lopes afirmou que preferiu comprar em uma loja virtual por questões de segurança e pelo grande incentivo financeiro que ela teve:

As lojas on-line estão com tantas promoções que fica difícil não se deixar seduzir. Comprei algumas coisas que eu sei que meu pai adora e todas ficaram muito acessíveis, só fico ansiosa com o prazo de entrega, mas com certeza vai compensar”.

De acordo com Fabíola Miranda de Carvalho, produtora de cestas artesanais, as encomendas estão a todo vapor.

Tenho muitas opções, eu faço como a pessoa quiser, mas o que mais tem saído são cestas com doces de pote, doces artesanais mesmo, pães também. Minhas cestas sempre têm uma comida e uma bebida, e cerveja tem sido uma opção bem recorrente”, revelou.