Destaques Geral

Com risco de desabastecimento, Saae de Piumhi compra bomba nova

Nathália Araújo / Redação

22 de setembro de 2021

O equipamento capta a água do Rio e encaminha para a Estação de Tratamento

PASSOS – Para evitar desabastecimento de água, o Serviço Autônomo de Água e Esgoto (Saae) de Piumhi comprou uma bomba estacionária, de motor a diesel, que será usada para captar água do Rio Piumhi e encaminhar para a estação de tratamento.

De acordo com o Saae, a instalação do equipamento evita a adoção de medidas restritivas, como racionamento ou rodízio, por exemplo.

“Quando a bomba ainda não havia chegado, utilizamos caminhões-pipa para levar água até a estação de tratamento. As residências foram abastecidas, mas não tinha água em todo o sistema de encanamento da rua porque os reservatórios estavam, realmente, muito limitados e não suportavam o bombeamento. Além disso, as previsões climáticas indicam que deve chover nos próximos dias, então, a tendência é que a situação fique mais tranquila”, afirma o diretor executivo da autarquia, Eduardo Assis.

Segundo ele, os problemas no abastecimento já estão sendo resolvidos.

“Por enquanto, os riscos acabaram, mas não sabemos como será o futuro e, por isso, é importante que a população da nossa cidade não desperdice a água disponível. Pelas redes sociais, foi possível perceber que muitas pessoas estavam preocupadas com as medidas restritivas mas, quanto a isso, garanto que, caso algum dia seja necessário, divulgaremos com antecedência e ninguém será pego de surpresa”, disse o diretor executivo.

Antes da instalação do novo equipamento, o Saae havia divulgado que o município enfrentava uma crise e que havia risco de desabastecimento devido ao baixo volume disponível para tratamento. De acordo com informações da autarquia, com os reservatórios chegando ao fim, foi necessário fechar alguns registros, durante o período da noite, para que não faltasse água nas manhãs seguintes.

Previsões do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) mostram que até domingo, 25, existe 10% de chance de chuva em municípios da região e a aproximação de uma massa de ar polar, o que deve alterar o clima nos próximos 15 dias.