Destaques Geral

Chuva começa a causar estragos na região

10 de dezembro de 2020

Foto: Divulgação

C.R. CLARO – As fortes chuvas que têm atingindo vários municípios da região começaram a causar estragos. Em Carmo do Rio Claro, a Coordenadoria da Defesa Civil divulgou alerta para os riscos de deslizamento de terra, assim como ocorreu na madrugada de quarta-feira, 9, na entrada dos bairros rurais Ferreiras, Leandros e Furna, onde houve o deslocamento da encosta, não havendo vítimas. No mesmo dia, vias e residências em Itamogi também sofreram danos causados pelo grande volume de água.


O que você também vai ler neste artigo:

  • Chuva arranca bloquetes
  • Inmet alerta perigo potencial de tempestade

No âmbito de Carmo do Rio Claro, a Coordenadoria da Defesa Civil explica que, devido ao grande índice pluviométrico no período primavera/verão, que corresponde ao período chuvoso, é comum que aumentem os riscos de deslizamentos de terra.

Deste modo, os motivos mais recorrentes estão ligados à forma de relevo, a estrutura geológica do terreno, bem como as ações humanas que intensificam os deslizamentos, a exemplo: a retirada da cobertura vegetal de áreas de relevo acidentado e habitação em locais impróprios, proporcionando condições para que haja o desmoronamento.

A Defesa Civil ainda lembra que outro perigo para o período refere-se aos raios. Deste modo, o setor alerta para que cada um proteja-se em locais seguros durantes as tempestades, e que evitem transitar por lugares que haja o perigo de desmoronamento.

Chuva arranca bloquetes

Também na quarta-feira, 09, a chuva causou estragos em em Itamogi. Segundo o setor de obras da prefeitura, a chuva teve início por volta de 9h e durou cerca de 30 minutos. Conforme o executivo, os bloquetes da rua Afonso Pena foram arrancadas devido à força d’água. A equipe do departamento responsável retirou as peças soltas do local. O reparo da rua deve ser feito após o período chuvoso.

Além disso, pelo menos três casas foram atingidas de forma mais rigorosa pela água da chuva. A estrutura dos imóveis não foi abalada, mas os moradores tiveram prejuízos materiais. De acordo com o setor de obras, choveu na cidade aproximadamente 65 milímetros de água. O Corpo de Bombeiros não foi acionado e ninguém ficou
ferido.


Inmet alerta perigo potencial de tempestade

Foto: Divulgação

PASSOS – O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu ontem, 9, o aviso meteorológico de perigo de potencial tempestade para o sudoeste mineiro. De acordo com o aviso, é esperado para hoje, 10, chuvas entre 20 e 30mm/h ou 50mm/dia e ventos intensos de 40 a 60km/h, podendo ter até mesmo queda de granizos.

Segundo o meteorologista Claudemir de Azevedo, do Inmet, de Belo Horizonte, o motivo disso acontecer é que existem várias áreas de instabilidade atuando sobre a região. “Estamos ainda com a ocorrência de várias áreas de instabilidade atuando sobre o sudoeste mineiro com pancadas de chuva neste período”, explica.

Ainda de acordo com Azevedo, a temperatura “deve ficar na casa dos 32/33º o restante da semana e o quadro de chuvas deve persistir até o próximo sábado”. Segundo o meteorologista, o clima instável é comum na região nessa época do ano. “É comum nessa época do ano, agora dezembro é um dos meses com mais chuvas da região. A tendência é que continue o quadro de instabilidade”.

De acordo com dados divulgados pelo Inmet, é esperado muitas nuvens com pancadas de chuva e trovoadas isoladas na tarde e na noite de hoje e de amanhã, 11. No sábado, 12, é esperado muitas nuvens com a possibilidade de chuva isolada e no domingo, 13, muitas nuvens com pancadas de chuvas e trovoadas isoladas. A umidade nos próximos dias varia com mínima de 50% e máxima de 100%.

Você também pode gostar de:

Sedest passa a atender Bolsa Família em sua sede

Receita Federal identifica indícios de sonegação no Sul de Minas Gerais