Destaques Geral

Cássia libera coletivo e igrejas

27 de junho de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

Cássia – A Prefeitura de Cássia liberou o funcionamento do transporte coletivo e a reabertura de estabelecimentos de comércio considerado não essencial e de atividades religiosas em templos e igrejas. A retomada deve seguir protocolos e medidas de prevenção à proliferação do novo coronavírus.

A flexibilização foi feita por meio de três decretos. De acordo com o decreto nº080, os templos religiosos poderão funcionar presencialmente durante uma hora, sem contato físico e com a ocupação de uma pessoa a cada quatro metros quadrados. É imprescindível o uso de EPI’s por todos, além de não compartilhar microfones ou objetos de uso pessoal. Não é permitida a participação de corais.

Pelo decreto nº083, a administração libera o funcionamento de estabelecimentos considerados não essenciais, que antes abriam apenas para serviços de delivery, desde que respeitando as medidas de proteção. Bares, mercearias, padarias, açougues e supermercados não podem funcionar após as 20h.

Os veículos que fazem o transporte coletivo intermunicipal e interestadual podem funcionar com metade da capacidade de passageiros, distância mínima de um metro entre os usuário e uso obrigatório de EPI’s. A aferição de temperatura será feita e deve ser impedida a entrada de passageiros com temperatura acima de 37.8ºC.

De acordo com o prefeito de Cássia, Marco Leandro Almeida Arantes, caso haja irregularidades, a partir da fiscalização, será notificado e requisitado a intervenção da Vigilância Sanitária e Epidemiológica e do Ministério Público, quando necessário.

No município, de acordo com o boletim epidemiológico, foram notificados 139 casos; sendo 13 que ainda estão sendo monitorados em investigação e dez descartados. Segundo a prefeitura, até a tarde de ontem, o município já havia registrado sete casos confirmados de infecção pelo novo coronavírus.