C. R. Claro Destaques

Casamento de Alexandre e Eláisa

Por Nana de Minas

10 de fevereiro de 2021

O casamento religioso de Alexandre e Eláisa aconteceu no dia 30 de janeiro, às 17 h, na Matriz Nossa Senhora do Carmo. A noiva é filha de José Antônio Carielo Bueno e Iara Fernandes Bueno, e o noivo, filho de Clésio José Alexandre de Oliveira e Mara Pereira Junqueira Oliveira. A cerimônia religiosa foi celebrada pelo padre Hudson Ivan Teixeira. Embora tenha sido em Carmo do Rio Claro, o casal reside em Uberaba.

A entrada com os pais rumo ao altar.

Dona Penha, avó paterna de Alexandre, fez parte do cortejo levando consigo a imagem de Nossa Senhora Aparecida


Bebê a Bordo:

A foto foi feita esses dias para registrar um mês de vida do pequeno Salvador.

Salvador Bartz Zetun, filhote de Luiza e Marcel, nasceu em São Paulo, há 35 dias, pesando 3,720 kg e 51 cm de altura, com todos os caprichos dos Deuses. Salvador nasceu em casa, conforme planejou o casal, com uma equipe experiente em parto domiciliar. Detalhe a parte, Marcel (pai) sonhou com o nome (Salvador) e, por coincidência, era como o avô dele era chamado. Sendo assim, o bem vindo bebê recebeu o nome do avô paterno.


Revista Resgate-Histórias para repensar

Que fatores influenciam o desenvolvimento de mentes que preferem mais o bem comum ao seu próprio bem? Dinorah Morais acredita que resgatar as memórias das nossas instituições ajuda nessa análise. Para comprovar a hipótese, lançou, em janeiro deste ano, a revista digital Resgate-Histórias para repensar. O Volume 1 apresenta o Clube de Mães de Carmo do Rio Claro, uma associação civil, sem fins lucrativos e com base voluntariada, que trabalhou para promover socialmente as mulheres do município a partir de 1971. Em 2000, a entidade encerrou suas atividades, entre outros motivos, por não atender à necessidade de remuneração dos professores.


Hobby, lazer e profissão

Filó Feire mostra sua arte.

O tempo extra dentro de casa fez com que muitas pessoas investissem em hobbies manuais – cozinhar, costurar, pintar, bordar, tricotar – e o crochê não ficou fora desta. Mas bem antes da pandemia, a professora aposentada Filó Freire mostrou que seus criativos e delicados sousplat em crochê já ganhavam vitrine e aplausos. E tem mais, seus criativos suportes em macramé também já foram aprovados por muitos.