Destaques Geral

Carmelo São José faz campanha para custear energia solar

Gabriella Alux/ Especial

23 de junho de 2021

Foram instaladas 77 placas fotovoltaicas, por R$100 mil, de dois metros cada:/ Reprodução

PASSOS – O Carmelo São José, que fica na rua Dom Inácio Dalmont, no centro de Passos, divulgou um pedido de doações para ajudar a pagar a instalação de energia solar que foi feita no final de maio. Foram instaladas 77 placas de dois metros cada, com geração média de 3,08 mil quilowatt-hora (kWh) por mês e potência de 26,18 quilowatt pico (kWp), que significa o máximo de energia produzida em condições ideais. Atualmente, o Carmelo São José tem dois mil metros quadrados de área construída e abriga 14 irmãs no convento, com limite para 21 religiosas.

O custo de implantação de energia solar foi de R$100 mil e inclui o projeto de engenharia e instalação de gerador fotovoltaico, elaboração do projeto de microgeração, cabeamento elétrico, frete e mão de obra, aterramento de todos os componentes, garantia de um ano dos serviços e dos equipamentos principais.

De acordo com a irmã Maria Flávia da Cruz, até o momento, cerca de 75% do valor já foi arrecadado.

“A campanha de doações tem o objetivo de pagar os painéis, a mão de obra e todo o necessário para o funcionamento da energia solar. O projeto foi idealizado desde o início de maio pelo nosso capelão e amigo padre Luiz Gonzaga Lemos, que o assumiu com prontidão e generosa dedicação até chegar o feliz êxito”, relatou a religiosa.

Segundo ela, a energia solar foi uma solução para o convento por conta da redução de gastos no local.

“Gastávamos mais ou menos R$1.4 mil a R$1.5 mil de energia por mês, pois o maquinário de nossos trabalhos puxa muita energia. Apesar do alto valor não ter nos prejudicado em outras áreas, a energia solar vai nos ajudar muito. Esperamos que, com maior alívio financeiro, será proporcionado mais liberdade espiritual para a nossa oração e vida fraterna. Deus sempre cuida de nós, mas temos que fazer nossa parte”, declarou.

Conforme o contrato do serviço de instalação de energia solar divulgado, o valor de R$75.130 mil da transação financeira foi pago via boleto para envio dos equipamentos. R$16.870 mil foram pagos no final da instalação da usina fotovoltaica, referente a engenharia, serviços prestados material para conexão da usina a rede da concessionária de energia. O restante de R$10 mil é para reserva técnica para eventuais despesas com a infraestrutura do telhado ou investimento em equipamentos de climatização de ambientes.