Destaques Geral

Capitólio libera passeios turísticos e bares flutuante

22 de junho de 2020

Foto: Divulgação

CAPITÓLIO – A Prefeitura de Capitólio liberou, na última sexta-feira, a volta dos passeios turísticos feitos por meio de embarcações náuticas, balões e veículos 4×4 e também dos bares flutuantes.

De acordo com o Executivo, foi realizado um estudo junto a equipe de saúde e, a partir de avaliação das condições sanitárias, epidemiológicas e da capacidade hospitalar da região, foi verificado que a reabertura dos passeios poderia ser feira desde que adotadas medidas de prevenção contra o novo coronavírus.

No setor náutico, por exemplo, as embarcações terão que passar por desinfecção entre um passeio e outro e respeitar um intervalo de pelo menos 30 minutos para a higienização. A capacidade máxima permitida será de 80% e os usuários não poderão compartilhar coletes salva-vidas durante o mesmo dia.

Os bares flutuantes devem disponibilizar, para turistas e funcionários, sabão líquido, álcool em gel, toalhas descartáveis e lixeiras com tampas acionadas por pedal. As mesas terão que ser colocadas a uma distância mínima de dois metros e seguir atendimento de até quatro pessoas por mesa. O bar deve trabalhar com no máximo 50% da capacidade e as bebidas devem ser servidas em copos descartáveis. O consumo no balcão é proibido assim como o compartilhamento de talheres. O local também deve oferecer álcool em gel e o espaço ser desinfectado com álcool 70% conforme necessidade.

Nos veículos 4×4, não será permitida a presença de pessoas com sintomas gripais e somente membros da mesma família podem compartilhar o passeio. Os carros não poderão usar ar-condicionado e as janelas devem permanecer abertas durante todo o trajeto. Os veículos devem ser higienizados e o uso de máscara de proteção é obrigatório aos condutores, guias e turistas.
A prefeitura também autoriza o funcionamento das agências de serviços turísticos para a venda e organização dos passeios. Atrativos turísticos e meios de hospedagem permanecem fechados. Ainda de acordo com o decreto, a cada 15 dias o Comitê Gestor da Pandemia vai avaliar a possibilidade de abertura de atrativos e meios de hospedagem.

Os responsáveis pelas empresas que atuam no setor de passeios devem procurar a sede da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Sustentável, no Centro de Apoio ao Turista (CAT) do Município, para assinarem o termo de responsabilidade. O endereço é na Rua Doutor Avelino de Queiroz, 789, centro, das 7h30 às 1h e das 12h30 às17h, de segunda a sexta.