Destaques Geral

Barreira sanitária no trevo do Carmo será retirada hoje

9 de setembro de 2020

Foto: Divulgação

C.R.CLARO – Instalada em março deste ano devido ao início da pandemia, a barreira sanitária no trevo de Carmo do Rio Claro  será retirada nesta quarta-feira, 9 de setembro. Nas últimas semanas a barreira já não estava funcionando no período noturno devido ao baixo trânsito de veículos o seu funcionamento foi reduzido para das 7h às 19h.

A decisão de retirada da barreira sanitária foi tomada devido ao Município bem como grande parte do país já ser considerado área de transmissão comunitária de coronavírus, ou seja, já não há como identificar a origem do vírus, além disso, o Município hoje não possui nenhum caso ativo da covid-19 e, caso a situação mude e seja necessário tomar outras medidas novamente, elas serão tomadas a qualquer momento. “Graças a Deus chegamos a estabilidade dos casos e isso nos tranquiliza em tomar essas decisões”, ressaltou Marília Oliveira, secretaria adjunta de Saúde.

De acordo com Marília, enquanto esteve em funcionamento, a barreira cumpriu o seu papel de postergar a chegada da doença na cidade.

Nosso Município só registrou o primeiro caso após 3 meses da doença, sem dúvida isso foi reflexo das ações realizadas pela Administração, inclusive, a instalação da barreira, mas, agora ela não tem mais sentido de permanecer ali”, comentou Marília.

Os profissionais que estavam atuando na barreira sanitária serão destinados a ações de prevenção e monitoramento em outros locais, como nas quadras de esporte, por exemplo. “Sem dúvida esses profissionais serão mais úteis neste momento em outros locais do que continuar na barreira”, finalizou.

Feira

A tradicional Feira da Agricultura Familiar que é realizada aos domingos na praça Dona Maria Goulart terá mais um dia no centro da cidade. A partir desta quarta, 9, a feira que era realizada nas manhãs de quarta-feira na antiga sede da Emater na Avenida José Evaristo Santana (Vargem) passa a ser realizada em frente ao coreto das
7h às 11h. O pedido da alteração foi feito pela Secretaria Municipal de Agropecuária devido no local onde era o escritório da Emater deverá ser construída uma rotatória para desafogar o trânsito naquela área.