Destaques Geral

Audiência discute impactos da pandemia na cultura, arte e eventos

7 de junho de 2021

ALMG realiza audiência pública para debater os impactos da pandemia nos setores artísticos, culturais e de eventos em Minas Gerais, nesta segunda-feira :/ Divulgação

BELO HORIZONTE – A Comissão de Desenvolvimento Econômico da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) realiza nesta segunda-feira, 7, uma audiência pública para debater os impactos econômicos decorrentes da pandemia da covid-19 nos setores artísticos, culturais e de eventos. A audiência será no Auditório José Alencar, a partir das 10h.

O requerimento para a realização da reunião é de autoria do presidente e do vice-presidente da comissão, deputados Thiago Cota (MDB) e Dalmo Ribeiro Silva (PSDB), respectivamente, e dos deputados Professor Irineu (PSL) e Bernardo Mucida (PSB).

Thiago Cota disse acreditar que a audiência será uma oportunidade para debater sobre possíveis alternativas, sem desconsiderar os cuidados sanitários e as vozes de especialistas.

“Setores da economia têm conseguido se reinventar durante a pandemia, apesar das dificuldades. No entanto, os setores artísticos, culturais e de eventos estão com as atividades completamente paradas”, afirmou.

A expectativa é de que o diálogo entre membros do governo, especialistas e profissionais do segmento aponte diretrizes.

“Pode ser que consigamos regulamentar alguns eventos ou ofertar crédito para empresas ou, ainda, isentar taxas. É isso que vamos debater”, finaliza o presidente.

Convidados – Participam remotamente da reunião o secretário-adjunto da Secretaria de Estado Adjunta de Desenvolvimento Econômico, Guilherme Augusto Duarte de Faria; o presidente da Agência Brasileira dos Promotores de Eventos Minas, Tiago de Brito; o presidente da Associação Mineira de Eventos e Entretenimento (AMEE), Rodrigo Marques; a vice-presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis de Minas Gerais, Érica Campos Drumond, entre outros.