Destaques Geral

Atendimento à distância é alternativa a pacientes

16 de Maio de 2020

Foto: Divulgação (Agência Brasil)

PASSOS – Em razão da pandemia causada pela infecção por covid-19, muitas atividades foram suspensas ou canceladas, incluindo tratamentos médicos. No entanto, os recursos disponíveis na internet e em chamadas de vídeo permitem que alguns profissionais realizem seus trabalhos a distância, como é o caso dos que atuam na área de saúde mental, que podem fornecer consultas e terapias sem sair de casa.

Com o objetivo de auxiliar para que os índices de doenças mentais se mantenham controlados, a psiquiatra, Amanda de Lima Teixeira, oferece orientações. “Planeje uma rotina e procure respeitar seus horários e manter uma alimentação saudável; evite ler ou ouvir demais sobre o tema e busque informações em fontes confiáveis; mantenha contato com os laços afetivos pela internet; foque em comportamentos preventivos que estão ao seu controle, como a higiene pessoal e o uso de máscaras; faça atividades relaxantes e aceite o momento”, ensinou.

Além disso, a médica recomenda que a população busque compreender que as recentes mudanças ocorreram na vida de milhões de pessoas e não se trata de uma particularidade. “A nova situação é o que gera o estado de medo patológico, este ocorre quando as emoções passam a dominar o indivíduo, impedindo o seu funcionamento e colaborando para uma visão catastrófica. Devemos evitar o abalo mental, cuidar das crianças e dos idosos e não causar pânico”, salientou.

Para as pessoas que enfrentam situações de sofrimento intenso ou sentem a necessidade de ajuda psicológica, é possível agendar um atendimento em clínicas particulares, ou pelo Sistema Único de Saúde (SUS).