Destaques Esporte

Após nova derrota, Ney Franco promete melhora no Cruzeiro

28 de setembro de 2020

Time perdeu em casa para o Avaí, na última rodada da Série B. / Foto: Divulgação

BELO HORIZONTE – O torcedor do Cruzeiro deve estar se perguntando rotineiramente: até quando a maré ruim vai perdurar? Nova partida na Série B, velhas atitudes em campo. Novo tropeço. O Cruzeiro atingiu a 11ª rodada da competição, conquistando menos de 25% dos pontos que disputou nos últimos oito jogos e abusando, novamente, das bolas levantadas contra o Avaí. Ney Franco, técnico do time, garantiu que o clube “tem solução”. O treinador indicou que os problemas poderão começar a ser resolvidos com a chegada de reforços.

Lógico que tem solução. Vamos continuar trabalhando, vamos ao campo, é um time que tem suas qualidades. A gente tem que passar por um momento de frustração, mas não pode ter desistência do trabalho”, disse.

O Cruzeiro está impedido pela Fifa de registrar jogadores por causa de uma dívida de 1.159.786,31 euros (cerca de R$ 7 milhões) com o Zorya, da Ucrânia. Para se livrar do transfer ban, o clube terá de quitar integralmente o débito ou conseguir recurso no Tribunal Arbitral do Esporte (TAS). Paralelamente, o time mineiro já acertou três contratações. São elas: o atacante Angulo, emprestado pelo Palmeiras; o meia-atacante Matheus Índio, ex-Estoril-POR, e o meia Giovanni, ex-Coritiba. Todos eles estão em Belo Horizonte. Os dois primeiros já realizam atividades na Toca da Raposa II.

As contratações foram para isso mesmo, para ajudar a melhorar. O Matheus Índio dá possibilidade de jogar pelo lado direito do campo, traz pelo meio, finaliza muito bem. O Giovanni é um jogador para atuar mais por dentro, como um meia ou segundo volante, para jogar mais próximo do volante, dá qualidade para a saída de bola. Foram duas boas contratações. Assim que se resolva a questão dos jogadores, vamos apresentar dois jogadores que vão nos ajudar no Campeonato Brasileiro”, analisou Ney Franco.

Além deles, o treinador deverá ganhar para os próximos jogos o atacante Zé Eduardo, que retornou de empréstimo ao América-RN. Autor de nove gols em dez jogos nesta temporada, ele desembarcou em Belo Horizonte nesta semana. Sassá teve o contrato reativado após ser dispensado pelo Coritiba, mas seu futuro ainda é incerto.
O Avaí chegou à 11ª posição, com 13 pontos. Já a Raposa segue no 15º lugar, mas existe a possibilidade de cair para a 19ª posição. A distância para o objetivo do Cruzeiro está cada dia mais longe. Já são dez pontos que separam a equipe mineira da quarta posição. Na próxima quarta-feira, 30, o Cruzeiro enfrenta a Ponte Preta, às 19h15, no
Mineirão.