Destaques Geral

Após diagnóstico de covid-19, prefeito de Paraíso é afastado

Gabriella Alux/ Especial

24 de junho de 2021

Reprodução

S.S. DO PARAÍSO – O prefeito de São Sebastião do Paraíso, Marcelo Morais, foi afastado das atribuições após ser diagnosticado com covid-19, nesta quarta-feira. Nesta semana, Morais viajou para Belo Horizonte junto com o procurador-geral do município, que também foi afastado, e acompanhou as obras do calçamento no distrito de Guardinha, ontem, junto com o vice-prefeito Daniel Tales de Oliveira, que assume o cargo de forma temporária.

Em menos de uma hora após publicação de nota sobre o afastamento de Morais em rede social da prefeitura, a postagem havia recebido 226 manifestações, 74 comentários e 15 compartilhamentos.

“Em poucos minutos após a nossa nota nas redes sociais, recebemos centenas de mensagens de apoio do povo paraisense ao prefeito”, relata a assessoria de comunicação.

Segundo a assessoria, assim que foi submetido ao teste para detectar o coronavírus, nesta quarta-feira, e receber o diagnóstico, o prefeito entrou em isolamento. Morais deve voltar ao após o fim do isolamento, na próxima segunda-feira, 28. De acordo com a assessoria, ele passa bem, mas apresentou febre, tosse, dores pelo corpo e passou por exames médicos na tarde de ontem.

“Todo mundo que teve contato próximo com ele, que não usou máscara e não respeitou o distanciamento, já foi isolado. No caso, o único servidor foi o procurador-geral do município, que viajaram juntos para Belo Horizonte nesta terça-feira. No entanto, o restante, que utiliza o Equipamento de Proteção Individual (EPI), mantém o distanciamento na prefeitura, por mais que estejamos no mesmo ambiente, não temos contato próprio e continuamos trabalhando normalmente”, informou a assessoria.

Com o isolamento de Morais, o vice-prefeito, Daniel Tales de Oliveira, assume o cargo até segunda-feira.

“O vice está no seu gabinete à disposição para atender a população, mas o prefeito continua em contato com o Daniel e, apesar de estar em casa, não parou de trabalhar e continua realizando o seu serviço na medida do possível”, informa a assessoria.

Paraíso é o segundo município da região com o maior número de casos de covid-19 e óbitos em decorrência da doença. Segundo boletim epidemiológico divulgado pela prefeitura nesta quarta-feira, a cidade registrou 5.513 casos e 219 mortes.

Segundo o boletim, a taxa de ocupação é de 100% nos 20 leitos de UTI Covid disponibilizados pelo SUS no município e de 76,59% dos leitos da enfermaria.

Janssen

O secretário de Estado de Saúde de Minas Gerais, Fábio Baccheretti, afirmou durante uma coletiva de imprensa que, nos próximos sete dias, há expectativa do estado receber novos lotes de vacinas contra a covid-19 e, entre os imunizantes, o medicamento da Janssen.

“É preciso destacar, ainda, a entrada de uma nova vacina, que é a Janssen, que devemos receber até quinta-feira. É um imunizante de dose única, o que nos deixa muito animados para que possamos atingir a meta de vacinar antes de outubro todo os mineiros adultos”, disse.