Destaques Geral

Apae adere a atividades online

29 de abril de 2020

Foto: Arquivo FM

PASSOS- A pandemia do novo coronavírus (covid-19) fez com que as aulas das redes pública e privada de educação fossem suspensas. Com isso, muitas escolas têm optado pelo ensino online para que os estudantes continuem com o processo de aprendizagem. A Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), unidade Passos, também está usando a tecnologia para promover atividades aos alunos.

Os conteúdos pedagógicos vão ser desenvolvidos pelos nove professores, que trabalham para o Estado e Prefeitura Municipal e atuam voluntariamente na instituição, e enviados através do aplicativo Whats App para as famílias. Segundo a diretora Terezinha de Lourdes Pereira, a escola especial da Apae atende 34 alunos do pré, nas modalidades pré, fundamental e da Educação para Jovens e Adultos (EJA) para os anos finais. Aqueles que não possuem internet ou o aplicativo, podem entrar em contato com a Apae e retirar o material na sede da instituição.

“Dentro da proposta, vamos montar um trabalho por turma e através da comunicação com os pais a gente vai fazer esse envio. Vamos enviar atividades e vai estar tudo bem contextualizado. Cada professor vai olhar seu plano de aula e fazer as adaptações conforme as necessidades dos alunos e o que podemos trabalhar nesse contexto. A família vai estar inserida nesse trabalho, pois o importante é organizar esse espaço para eles (os alunos) em casa, temos que organizar essa vivência nesse tempo de isolamento. A família vai estar presente o tempo todo. É um momento diferenciado, mas temos esperança que tudo vai dar certo”, explicou a diretora.

As atividades estão sendo preparadas ainda para o envio e serão desenvolvidas em diversos formatos, como apostilas, e vão trabalhar temas como reportório cultural, comunicação, várias linguagens, a cultura digital, criatividade, o autocuidado, o autoconhecimento, a organização da casa, empatia e colaboração. Além disso, também há orientações sobre este período de isolamento social e as medidas de prevenção à covid-19. A presidente da Apae, Sudeli Nicolau de Barros Maia, mantém contato com as famílias e envia vídeos informativos sobre o assunto. A iniciativa vai durar enquanto houver a situação
de pandemia.

A Educação Especial é um dos pilares da instituição, que oferece atendimentos as pessoas com deficiência intelectual múltipla no Centro Dia e na área da saúde, com atendimento clínico. É realizado também atendimentos aos bebês de zero a 3 anos e 11 meses no Programa de Intervenção Precoce Avançado.