Destaques Geral

Anunciado o nome do novo diretor do Educandário

8 de dezembro de 2020

ADRIANO MENDONÇA VAI COMPLETAR EM FEVEREIRO DE 2021, UM ANO COMO PADRE NO EDUCANDÁRIO. / Foto: Divulgação

PASSOS – O Colegiado da Província Rogacionista São Lucas, em São Paulo (SP), através de documento assinado pelo padre Geraldo Tadeu Furtado, anunciou de forma oficial no domingo, dia 6, o nome do novo diretor administrativo do Educandário Senhor Bom Jesus de Passos. É o sacerdote Adriano Mateus Mendonça Teodózio, que já passou a ocupar a função deixada por Luiz Caetano Castro, o padre Luizinho, porém a ata de posse será redigida no início de janeiro de 2021.


Você também pode gostar de:

Deslizamento de barranco atinge pátio de carros

Homem fica ferido ao bater em barranco

Adriano Mendonça, de 34 anos, é natural de Passos, filho de Lázara de Fátima Mendonça Teodózio e José Valdivino Teodózio. Completa a família o irmão Ademir Geraldo Mendonça Teodózio, três anos mais novo. Quando o rogacionista nasceu, os pais moravam na região rural das Água, em Passos. Há pouco mais de cinco anos se mudaram para Alpinópolis.

O novo diretor do Educandário foi ordenado sacerdote dia 3 de fevereiro de 2018, data em que veio definitivo para Passos dois anos depois.

Rodei o Brasil por muito tempo como seminarista. Meu último trabalho antes de janeiro de 2020 foi como missionário em Vitorino Freire (MA), onde temos uma casa rogacionista. Estou ausente de Passos há mais ou menos 12 anos. Estou contente pelo cargo e por estar perto dos meus familiares e amigos”, realçou Adriano.

Geralmente, o cargo de diretor de alguma casa rogacionista não há tempo definido em ocupá-lo, porém a média é de seis anos.

Isso é bom, porque há tempo suficiente para realizar planos elaborados, tanto que de imediato não pretendo promover mudanças radicais no setor administrativo. Vou apenas dar continuidade aos projetos, já que os demais padres de uma casa trabalham sempre em constante acordo com o diretor. Estamos sempre no mesmo barco. Isso é bom demais para todos”, explicou. O sacerdote Luizinho foi diretor administrativo por cinco anos.

A única alteração que vai ocorrer a partir de janeiro, mas já estava definido há meses. É o atendimento na Cantina Padre Léo, cuja prefeitura é parceira. Passará a acolher os moradores de rua para refeições de segunda a domingo, inclusive feriados. Até o final de dezembro eles serão recebidos do segundo ao sexto dia da semana. O diretor revelou que em 2021 virá para o Educandário de Passos, mais um sacerdote, além de um religioso que estará em fase de preparação, visando o diaconato.


Trabalho paralelo

Semana passada, antes de entrar no período de férias, Luizinho explicou à reportagem da Folha, que não deixará de ser membro dos padres da Congregação Rogacionista do Coração de Jesus, tampouco será transferido para outro município. A partir de fevereiro do ano que vem, ele vai se dedicar, paralelamente às celebrações de missas no Educandário aos finais de semana, a trabalhos sociais e religiosos na Santa Casa de Misericórdia de Passos, que administra o Hospital Regional do Câncer.