Destaques Do Leitor

Amazônia e Salomão

2 de outubro de 2020

Como os textos bíblicos nunca estiveram tão em moda, sugiro aos defensores da soberania da Amazônia que vejam I Reis, capítulo III, Antigo Testamento. O mesmo amor,  que levou a verdadeira mãe a renunciar ao filho em favor daquela com quem disputava a posse dele, é o que fará com que aceitemos a internacionalização daquela região. Se queremos evitar a fatal destruição de um patrimônio tão valioso, então que fique em outras mãos mais cuidadosas. Para azar nosso, não temos mais o sábio Salomão para impedir o desastre.

Raul Moreira Pinto – Passos/MG

Mudança de Lula

Estranho. Lula, o homem mais honesto do Brasil, chegou a Brasília em 2003 praticamente de mãos vazias e, apesar de em oito anos pouco parar no DF, no início de 2011 sua mudança foi transportada por 11 caminhões- baú. Mas como não é área da Operação Lava-Jato, não há nenhum inquérito contra ele. Até o crucifixo do gabinete presidencial sumiu.

Humberto Schuwartz Soares -Vila Velha/ES

Lambe botas

A deputada Gleisi Hoffmann, em comentário ao discurso do presidente da República na ONU, referiu-se a ele dizendo que ‘mais uma vez Bolsonaro lambe botas do Trump’. Que moral tem esta mulher, lambe-botas do maior ladrão que nunca houve antes igual na história deste país – este, por sua vez, que foi lambedor de botas dos Castros, Chaves, Maduro e outros mais – para fazer esta declaração?

Paulo Roberto Assis Lima – Belo Horizonte/MG

Meta

Ricardo Salles, por incrível que pareça, ministro do Meio Ambiente, toma atitudes com se um deserto fosse uma boa meta para o Brasil.

Luiz Frid – São Paulo/SP