Destaques Do Leitor

Ação do MP

26 de janeiro de 2021

Vou ver se entendi bem: o MP ajuíza ação contra órgãos da Administração para que se reinstalem leitos de campanha eliminados, para que se mude de grau de risco e, consequentemente, possibilitar o retorno de maior circulação de pessoas? Ora, isso é exatamente o que se quer impedir agora, com as medidas restritivas. Os sacrifícios que eu – e muitos outros – estamos fazendo por força do isolamento não é para garantir um leito de UTI ou uma vaga no cemitério; o escopo é não contrair a doença. Se o fundamento fosse garantir maior segurança sanitária, tudo bem, mas se o fundamento for o que eu percebi, o MP não vai ficar bem na foto.

Raul Moreira Pinto – Passos/MG


As ações do PT

Não adianta o PT fazer carreatas como as de sábado. Não vai comover a população. Esse partido até hoje não aceita a derrota nas urnas. Quebrou o país e deixou uma herança de 14 milhões de desempregados. Pouquíssimas cidades do interior fizeram. Em Itabira, cidade polo de região, não teve. Aqui o candidato do PT à prefeitura teve apenas 680 votos. Além disso, o PT não ganhou a eleição em nenhuma capital. Esse partido está morto.

Ivan Print – Itabira/MG


Entre esperança e polêmica

Se as vacinas hoje disponíveis para o combate ao coronavírus tivessem, na sua área, evento similar à Feira Mundial de Automóveis, a CoronaVac seria o antivírus menos cobiçado pelos visitantes entre todos os divulgados pela mídia. Infelizmente, é a dura realidade na pandemia, mas é a acessível para a nefasta realidade brasileira e, diante da escassez, todo vacinado é um felizardo cobaia.

Humberto Schuwartz Soares – Vila Velha/ES