Destaques Esporte

Passos adere ao projeto Mini-Handebol da CNHb

Por Ézio Santos/ Especial

23 de dezembro de 2021

DIDITO, LUIZ FERNANDO E MICHELA SE REUNIRAM EM PASSOS NO FINAL DE SETEMBRO./ Foto: Divulgação.

PASSOS – A partir de 2022, o município será um dos polos do Mini-Handebol Brasil, projeto criado pela Confederação Brasileira da modalidade (CBHb). O interesse por parte da prefeitura surgiu após visita do presidente da Federação Mineira, Luiz Fernando Andrade, de 33 anos, na Secretaria Municipal de Esporte, Juventude e Lazer (SMEJL), no final do último mês de setembro.

O dirigente se encontrou com a secretária Michela Ribeiro, e o técnico Benedito César Ribeiro, o Didito, do bate-papo, sugeriu a inscrição da SMEJL no edital publicado pela CBHb. Toda a documentação exigida foi providenciada e automaticamente aprovada a adesão ao projeto.

“Estou muito contente, porque Passos é uma cidade que tem potencial no handebol, e já conquistou vários títulos, inclusive estadual. O principal objetivo da CBHb é incentivar e valorizar os garotos amantes da modalidade, e num futuro bem próximo, os talentos vão aparecendo, e a cidade terá times com potencial em competições nacionais e nacionais. Parabéns ao prefeito Diego Rodrigo de Oliveira e Michela pela visão de valorizar cada vez mais a iniciação ao esporte em geral”, pontuou Andrade, na função de presidente desde 27 de fevereiro deste ano.

A com a adesão ao projeto a âmbito nacional, Passos volta a ser filiado à FMH e em perfeitas condições de disputar qualquer torneio desde a categoria infantil até adulta.

“A partir de janeiro os técnicos de handebol da prefeitura de Passos frequentarão aulas de capacitação, e no segundo momento a CBHb vai entregar materiais adaptados para alunos entre cinco e dez anos, como balizas, bolas, coletes, cones, pratinhos e faixas para uso exclusivo nos treinamentos do Mini-Handebol”, explicou o presidente e ex-árbitro.

De acordo com as regras do projeto, haverá dois circuitos regionais por ano, um em cada semestre. Os municípios mais próximos de Passos que também optaram pelo Mini-Handebol Brasil são: Guaxupé e São Sebastião do Paraíso. No site da CBHb, desatualizado, são 129 adesões entre prefeituras, escolas, entidades e clubes particulares.

Chancela

O termo é um selo de qualidade e o reconhecimento da Confederação Brasileira da modalidade conferido às instituições que já realizam um trabalho em prol das crianças e do mini-handebol.

Principais benefícios:
1) Ser reconhecida nacionalmente como um polo oficial certificado pela CBHb; 2) receber periodicamente: cursos, consultorias e certificações de maneira gratuita e oficial;
3) Receber material pedagógico variado para as aulas e eventos, tais como: adaptações personalizadas de traves para o mini-handebol, banners com brincadeiras diversas em aula e material gráfico completo para divulgação e personalização de quadras com o logotipo do programa Mini-Handebol Brasil;
4) Estar apto a receber suporte material e financeiro quando conquistados patrocínios, incentivos governamentais etc;
5) Por meio da oficialização da chancela servir de referência de trabalho com o mini-handebol em sua região;
6) Ter mais visibilidade e possibilidades de ações mediante à nova parceria, podendo a instituição chancelada inclusive utilizar a logomarca e o nome da CBHb para conquistar patrocínios e apoios individuais para cada polo;
7) cooperações pedagógicas virtuais e presenciais com a Confederação Sul Centro Americana de Handebol e European Handball Federation, por meio de cursos, palestras e encontros diversos.
8) Desenvolvimento das capacidades e habilidades como físicas, motoras, cognitivas, sócio afetivas, educacionais, esportivas, e cidadãs.