Cultura Destaques

5º FNTPassos recebe o ator Tonico Pereira para bate papo

23 de julho de 2021

O ator Tonico Pereira durante o bate papo mediado por Chiquinho Negrão no Festival Nacional de Teatro de Passos. / Foto: Divulgação

No quinto dia do 5º Festival Nacional de Teatro de Passos os espectadores tiveram a oportunidade de recebeu o ator Tonico Pereira para um bate papo exclusivo para o evento. O artista abordou o tema: ‘O ator em construção’, mencionando sua carreira, seus processos criativos e como está lidando com o atual momento.

Com mais de 50 anos de carreira profissional, Tonico Pereira teve suas primeiras experiências como ator no grupo Laboratório de Teatro, na UFF, em 1968. Sua imagem popularizou-se com o personagem Zé Carneiro, no seriado ‘Sítio do Pica-Pau Amarelo’, entre 1977 e 1985. De 2002 a 2014, interpretou o Mendonça em ‘A Grande Família’.

Dentre as novelas que participou, destacam-se ‘Anos Dourados’, ‘Que rei sou eu?’, ‘Fera Ferida’, ‘Andando nas Nuvens’, ‘Porto dos Milagres’, ‘A Regra do Jogo’, ‘A Força do Querer’ e ‘A Dona do Pedaço’. No cinema, mais de 50 filmes, como ‘O homem da capa preta’, ‘O Guarani’, ‘Policarpo Quaresma, herói do Brasil’, ‘Caramuru’, ‘Redentor’ e ‘O Palhaço’. No teatro, venceu diversos prêmios de melhor ator, em espetáculos como ‘Prometeu Acorrentado’, ‘Afinal uma mulher de negócios’, ‘O Avarento’, ‘Beijo no Asfalto’, ‘A volta ao lar’ e ‘O homem travesseiro’.

Em 2010 foi lançada sua biografia: ‘Tonico Pereira – um ator improvável’, na Coleção Aplauso, da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo. Foi também homenageado com a Medalha Pedro Ernesto, a mais importante comenda do Rio de Janeiro. Para comemorar os 50 anos de carreira, em 2017, estreou o aclamado monólogo ‘O Julgamento de Sócrates’, adaptação da obra de Platão. No segundo semestre de 2021, será lançado ‘Filosofando no Banheiro – O Livro de Pensamentos de Tonico Pereira’, escrito por Caio Bucker em homenagem ao ator.

O bate papo com o ator, aconteceu às 16 horas, no canal do Youtube do Festival, e será conduzido pelo passense Chiquinho Negrão. A gravação está disponível até o final do evento. Na sequência, às 19h, foi transmitido o espetáculo ‘Listas, Números, Assuntos Inacabados’, via instagram do evento. O espetáculo criado durante a pandemia, a partir do afeto do teatro com as artes visuais, oferece ao público a possibilidade de adentrar na história de um homem reto, que trabalha num escritório, que encontra numa gaveta um bilhete com nomes e números, e a partir daí sua vida muda completamente.

Ele entra em coma. Criada pelo Corpo Coletivo, Listas, números, assuntos inacabados é interpretada pelo ator Vinícius Cristóvão e é apresentada ao vivo pelo Instagram, utilizando os recursos da sua plataforma. Ainda na programação, o espetáculo ‘Monofobia’ fez sua estréia, como um experimento cênico-virtual criado pelo Coletivo Quatrocincoum que será transmitido no canal do Youtube do Evento.O experimento utiliza como disparadores para o processo criativo personagens dos quadros do pintor Edward Hopper, três atrizes-performers improvisam cenas/situações para refletir e problematizar suas relações com a solidão durante o isolamento social.

Para terminar a programação, houve o bate papo com os jurados/provocadores sobre os espetáculos do dia e aconteceu via instagram do evento. A programação completa pode ser acessada no site do evento www.festivalteatropassos.com.