Dia a Dia

Os passos de minha vida

Ruy Telles

16 de Maio de 2022

Comecei a dar os primeiros Passos de minha vida aos 9 meses de idade; Passos trôpegos, escorando pelas paredes, a fim de, manter-me ereto. Passos gélidos, pelo inverno de Caxias do Sul; pés descalços, pisando na geada de todos os dias e nas neves, vez ou outra. O tempo passando e eu caminhando, a Passos largos em busca de um futuro até então só sonhado. Meus Passos passaram por Bento Gonçalves, onde iniciei os Passos de minha caminhada militar. A partir de então meus Passos, passaram a ter novos destinos. Casamento, filhos e mudança de vida onde os Passos me levaram as Minas Gerais. Foi quando dei os primeiros PASSOS rumo a verdadeira emancipação cultural, esportiva e política. Foram 10 anos de PASSOS largos, de aluno a professor, de atleta a dirigente, de colunista a escritor.

Chegou o dia de meus passos, me levarem até PASSOS. Jamais imaginei que encontraria em meu caminhar, o PASSOS de meus sonhos. Cheguei caminhando com Passos curtos, mas pisando com vigor. Comecei minhas passadas, como Instrutor do Tiro de Guerra, mas com passos voltados para a educação, como professor de Educação Física do Colégio de Passos, onde aprendi a conviver e admirar um cidadão da elite Passensse, Dr Breno Maia, professor Francisco e outras autoridades que me ensinaram a amar esta cidade. Dr Emilio Piantino, colaborador do TG; encontrei o prefeito Antônio Pedro Patti (Pepedro), que se tornou meu amigo pessoal, assim como seu chefe de gabinete, Professor Grilo; os sargentos Efrain de Marcos e Alves, que dividiram comigo as instruções a serem ministradas aos atiradores, cuja maioria passou a fazer parte de nosso rol de amigos, por mais de cinquenta anos.

Como aluno de Ciências Sociais e Professor de Educação Física da FAFIPA, onde aprendi a respeitar a figura do Professor Armando Righeto, seu diretor, assim como de Gilda Parente, Secretária da Faculdade. Criamos os Jogos Duque de Caxias, que se iniciava em 25 de agosto e terminava em 7 de setembro, com a participação de toda a comunidade Passensse (escolas, empresas, entidades desportivas, e o próprio TG), organizado pelos atiradores, sob nossa supervisão. Como atleta fui jogar no Corinthians São Francisco, a convite do vereador Waldemar. Posteriormente preparador físico do Vasco da Gama de Passos e técnico, substituindo o grande Martim Francisco, o melhor técnico que conheci em minha longa vida desportiva. Guardo como belas lembranças o nome de alguns atletas, como Guinho, Olimpio, Batatinha, Leila, Pelézinha, Luiz Henrique, os irmãos Melo da Açucareira; o Osmar, assim como, o Cuca e Evaristo, que dividiram a administração esportiva, do Vasco, comigo. Nas comunicações, não posso deixar de citar Barú de Pádua, prematuramente falecido, Prateado e Carlos Parreira. Meus Passos me levaram a conhecer os bons professores de Educação Física da cidade, como Samir, Cesar Mendonça e Cesar Ferreira, Celito e Vinicio Deixei muitos amigos, quando meus Passos foram direcionados para a Capital Federal, para servir no Estado Maior do Exército conheci alguém que de amigo virou irmão, Josué Farel, que pelas minhas mãos mudou o rumo de seus Passos, vindo para Brasília, onde viveu os últimos dias, de sua vida.

Minha vida entrou em ebulição de alegria, quando em 2002 recebi um convite do ex atirador Fernando Alux, para um encontro comemorativo aos 30 anos de sua turma. Como foi bom rever aqueles garotos, de cabelos brancos, alguns carecas e outros, barrigudos e com sua vida resolvida. Mais recentemente, em dezembro passado, mais uma vez meus Passos me levaram até essa cidade, a convite do atirador 69 Paulo Melo, que resolveu me convidar para estar com eles em uma festa de confraternização. Dentre meus ex comandados, vou citar um, que aceitou seguir meus conselhos e fez concurso para a Academia Militar de Agulhas Negras, tendo ido para a reserva, a poucos anos, no posto de General de Brigada. É ele o Monitor Eloi da turma de 1972. Como é bom voltar meus Passos para Passos, que me levaram a ser o que sou.

Parabéns a cidade que encaminhou meus PASSOS..

RUY TELLES, escritor, militar da reserva do Exército Brasileiro, foi diretor do TG 04-014 em Passos.